Amante Meu - IAN #08

Autora: J. R. Ward
Título original: Lover Mine
Tradução: Carlina Curassá Rosa
Série: Irmandade da Adaga Negra
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 607

Algumas coisas estão destinadas a acontecer - precisamos apenas de algumas tentativas para chegar lá.

No oitavo volume de IAN, finalmente descobrimos como a Irmandade fará para resgatar Xhex que foi sequestrada por Lash no final de Amante Vingado. Bom, eu estava extremamente ansiosa para descobrir o que aconteceria em Amante Meu, cujo foco é o nosso John; nós acompanhamos seu desenvolvimento como personagem desde o segundo volume e, agora, podemos vê-lo brilhar com sua própria e complicada história, como reencarnação de Darius (Irmão que foi assassinado no primeiro volume da série).

A ligação entre Darius e John é explicada no livro, vemos capítulos focando o tempo real, com as, já usuais, mudanças de ponto de vista, e o tempo em que Darius era jovem e estava no acampamento do brutal Bloodletter, pai de Vishous. Dentro dessa linha do tempo, garanto a vocês, grandes surpresas virão e conexões que vocês jamais teriam imaginado. Lá atrás, Darius está trabalhando com Tohr para resgatar a filha de um membro da Glymera. Aqui, John está trabalhando com Blay e Qhuinn para trazer Xhex de volta. Preparem-se!
Xhex luta para permanecer viva e mentalmente sã. Lash é o filho de Ômega, como tal, maldade e loucura cercam todos os seus atos. Ele está trabalhado no comércio de drogas e trazendo mais humanos para Ômega iniciar. Quanto mais redutores, melhor. Lash é o vilão que todas as fãs da série odeiam. Um cara mal que está alcançando o próximo nível de um ótimo vilão. 

Vemos com um melhor e mais instigante ângulo a relação entre Qhuinn e Blay. Se é que podemos chamar "melhores amigos" de relação. Blay nutre sentimentos por Qhuinn, mas esse não se permite retribuir de jeito nenhum. Qhuinn é sexo puro em cada detalhe, mas corresponder aos sentimentos desse macho? Fora de cogitação. Por isso, várias desconhecidas passarão por seus braços. Enquanto que Blay tenta controlar seus sentimentos não correspondidos, saindo com Saxton, primo de Qhuinn. Será que esses dois têm futuro? Não esquecendo de mencionar, claro, que Blay e Qhuinn são meu casal favorito. Porque eu adoro o Blay.

Não poderia deixar de lado, logicamente, que uma grande parte do livro se passa depois que Xhex já está livre de seu cativeiro. Porque ela não estará livre de Lash até que o tenha matado. É isso que está dando forças a essa incrível e extremamente durona guerreira. O desejo de vingança e John Matthew que está mais do que contente em ter, finalmente, sua amada de volta a seus braços são pontos altos da narrativa. O caminho deles não será fácil. Ela e John têm uma recuperação pela frente e um objetivo final. O mesmo objetivo final: matar Lash. Mas qual dos dois tem mais direito?

Por fim, acontecimentos extremamente importantes para o nono e décimo livros já são tecidos aqui. Payne, a companheira de luta do Rei sofre um acidente; somos apresentados à No'One e Layla e Qhuinn dão pequenos passos juntos. Alguns detalhes que notamos apenas depois que já lemos todos os livros lançados e, assim que relemos um volume pensamos: "caramba! como isso foi bem arranjado e pensado desde o início". É assim que me sinto com relação à Irmandade da Adaga Negra. J. R. Ward escreve com maestria e ela realmente sabe como coordenar o mundo dos Irmãos.

Beijos
Boa Tarde!



22 comentários :

  1. Gosto muito de vampiros, mas essa série acaba não me chamando muito a atenção. Acho que ela tem muitos casos de romance, o que não gosto misturado na literatura vampiresca. E ela também é enorme, o que me desanima mais ainda. rs
    Quem sabe, mais para frente, eu dê uma chance ao primeiro livro da série.
    Gostei da sua resenha e espero que os demais livros da série continuem te agradando.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de novembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa série, realmente, é só para aqueles que podem se permitir aventurar por um mundo gigantesco. Garanto que o romance não atrapalha em nada o decorrer da história. Na verdade, só torna ainda mais emocionante as guerra e lutas que estão presentes em todos os livros!

      Beijos, obrigada pela visita ^^

      Excluir
  2. Nunca li uma série tão grande, e não costumo ler a não ser que eu acompanhe desde o primeiro livro da série quando é lançado, quando se passa muitos anos da preguiça de ler kkk, mas sua resenha está ótima.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Lorena! Bom, se você se interessar, pode começar a ler. Todos os volumes já estão lançados no Brasil... E, acredito, até que você chegue no 11• volume, o fim dos "Amantes"... Ward já terá lançados mais alguns volumes, esperançosamente Hahahaha

      Beijos!

      Excluir
  3. Oi Iza,
    Devo confessar que não li sua resenha completa porque parei na metade quando você já tinha falado dois spoilers. Ainda não li essa série e quero muito ler mas tem vários livros na frente e essa série é bem longa em comparação à outras séries que vou ler. Até onde eu li sua resenha está ótima para quem já tá lendo essa série. Como gosto muito de vampiros essa série me atrai mas tenho que ler primeiro os livros da Anne Rice pra depois comparar os dois.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Larissa, me desculpe pelos spoilers! Deveria ter avisado... Foi um erro imaginar que somente aqueles que já estão lendo a série e acompanhando se interessariam pela resenha. Minhas sinceras desculpas.
      Eu também adoro! vampiros, no entanto, nunca fui atrás de Rice para ler. Alguma indicação??

      Beijos, obrigada :))

      Excluir
  4. Não conheço essa série, mas gostei TANTO da capa!
    *.*
    E adoro vampiros, então, vou procurar saber um pouco mais.

    Beijooooooooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Teca, essa série é realmente sensacional! As capas são muito boas também, apesar de uma ou outra não me agradar tanto assim.

      Procure as resenhas dos outros volumes, eles estão aqui! Tudo começa com Amante Sombrio, pode começar a se apaixonar por aí! Hahahaha

      Beijos, obrigada pela visita.

      Excluir
  5. Oiee ^^
    Nunca tive vontade de ler essa série enormee, mas agora andei lendo umas resenhas super positivas sobre ela, e fiquei muuito curiosa. Dei uma olhadinha na sua (não li tudo) e parece ser mesmo ótima.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dyrh, essa série é realmente envolvente. E umas das coisas que a torna uma é o fato dela ser grande. Lê-lá envolve planejamento e condição, não se engane. Mas ela vale completamente a pena, pode ter certeza.

      Beijos!

      Excluir
  6. Eu simplesmente amo IAN, e a Bianca (do blog) também! Adoro esse livro, o fato do romance não ser fácil e de como a Xhex consegue contornar esse lado machista que os Irmãos tem. Sem falar que eu amei o desenvolvimento da relação entre o Qhuinn e o Blay (amo tanto eles, nunca vou perdoar a Ward pela merda que ela fez no livro deles!).

    Att.,
    Eduarda Henker
    http://blogsomaisum.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu concordo completamente com você, Eduarda! Não há perdão, porém acredito que Ward irá nos recompensar nos volumes futuros. Xhex consegue vencer esse lado machista dos Irmãos e isso só continuará acontecendo nos volumes. Mulheres podem muito bem serem guerreiras!

      Beijos, obrigada pelo visita. ^^

      Excluir
  7. Oii Iza !
    Me diz como ler uma séria que é tãooooo longa? rs
    Eu amo vampiros, e claro que tudo que li sobre a série até hoje foi super positivo, mas a quantidade de livros me assusta, quero ler quando tive uma oportunidade, mas sinceramente, eu não me animo muito!
    Como não conheço a história, fiquei meio perdida com a história .. Mas parece bem interessante :} Ah, vamos combinar que é difícil dizer qual capa é a mais bonita né?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vic, com certeza é muito difícil escolher entre as capas, mas a do John não me atrai muito. Para mim, a melhor é a do Rehv.
      Para ler uma série longa dessas, precisamos ter planejamento. Saber quando poderemos ler, e quanto poderemos gastar. Dois livros por mês mesclados com diferentes da série longa é minha dica.

      Espero que isso ajude! Beijos ;)

      Excluir
  8. Concordo com você, Iza, Qhuinn e Blay formam um dos meus casais preferidos, se não o mais preferido. Eles são incríveis e tem uma história maravilhosa.

    Esse livro foi uma surpresa para mim também. Todas as conexões e surpresas. É incrível ver como a Ward consegue amarrar várias pontas antes mesmo de se imaginar a outra ponta.

    Quero ler as resenhas dos outros IAN, hein?

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Carol *.* que bom ter você aqui.

    Menina, Qhuinn e Blay são o meu casal favorito. Tenho uma conexão triste com Blay hahahaha mas já superei isso... Ou não...

    Pode deixar que vou resenhar mais e mais, até chegar no nosso incrível Rei!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Li até o quinto e não li nenhum ainda esse ano.
    :(

    Saudade dos meus vampirões... Amei a resenha, fiquei morrendo de saudade de tudo nos livros.

    Não entendi tudo que está na resenha, mesmo ela estando incrível, mas é que onde eu parei nem todos esses personagens estavam lá, rsrs.

    Mas eu vou voltar. Aguarde Irmandade!!!

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lelê, você precisa voltar para a Irmandade imediatamente! Eles estão te chamando, não consegue ouvir?? hahahahaha

      obrigada ^^

      assim que conseguir voltar a lê-los, não deixe de voltar aqui!
      beijos

      Excluir
  11. Tem montão de livros já da série e nem li nenhum.
    Fiquei meia confusa quanto a resenha por que já está bem longe nos volumes e não entendi muito.
    Mas vi que tem romance, baalhas e mortes.
    Fiquei nessa da a luta do rei, e parece que cada livro é um irmão diferente? Eu gosto disso, como dos Sullivans ♥, mas humanos é claro.
    Amo vampiros e acho que com romance ficaria bem legal, sem ser crepúsculo por que não gosto, mas nada contra ^^
    Beijos Izabela, ThayQ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thay, siim a cada livro é a história é narrada por um irmão diferente. Eu também amo a série dos Sullivans! *-*

      Eu gostei de Crepúsculo na época dele, mas não acredito que ele tenha espaço no mercado mais.

      Beijos, obrigada pela visita

      Excluir
  12. Excelente resenha como sempre!

    Amei a parte em que você diz: "Alguns detalhes que notamos apenas depois que já lemos todos os livros lançados e, assim que relemos um volume pensamos: "caramba! como isso foi bem arranjado e pensado desde o início".", também é assim que me sinto porque acontecem coisas nesse livro que já estavam sendo encaminhadas desde o 1º, e esse já é o 8º!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Tamiris!

      Exato!, são detalhes tão bem pensados que é impossível não amar a Ward por nos dar esse mundo no qual podemos viver!

      Beijos :*

      Excluir

Obrigada por fazer três blogueiras felizes, seu comentário e sua opinião são muito importante pra nós! Todas as visitas e comentários serão retribuídos.

(Comentários contendo ofensas e palavras de baixo calão não serão aceitos).

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook