O Perfume da Folha de Chá

Autora: Dinah Jefferies
Título original: The Tea Planter’s Wife
Tradução: Alexandre Boide
Editora: Paralela
Páginas: 432

| Livro cedido como cortesia pelo Grupo Companhia das Letras |

Sinopse: Em 1925, a jovem Gwendolyn Hooper parte de navio da Escócia para se encontrar com seu marido, Laurence, no exótico Ceilão, do outro lado do mundo. Recém-casados e apaixonados, eles são a definição do casal aristocrático perfeito: a bela dama britânica e o proprietário de uma das fazendas de chás mais prósperas do império.
Mas ao chegar à mansão na paradisíaca propriedade Hooper, nada é como Gwendolyn imaginava: os funcionários parecem rancorosos e calados, e os vizinhos, traiçoeiros. Seu marido, apesar de afetuoso, demonstra guardar segredos sombrios do passado e recusa-se a conversar sobre certos assuntos.
Ao descobrir que está grávida, a jovem sente-se feliz pela primeira vez desde que chegou ao Ceilão. Mas, no dia de dar à luz, algo inesperado se revela. Agora, é ela quem se vê obrigada a manter em sigilo algo terrível, sob o preço de ver sua família desfeita.

Recebemos O Perfume da Folha de Chá há algum tempo, mas ainda não tinha tido a chance de lê-lo. Li algumas resenhas que diziam como essa história era surpreendente e acabei ficando muito curiosa para enfim conhecê-la. 
O romance histórico escrito por Dinah Jefferies ficou em primeiro lugar na lista dos mais vendidos na Inglaterra e teve os direitos vendidos para diversos países. 

A protagonista do livro se chama Gwendolyn Hooper, uma jovem inglesa recém-casada com o Laurence Hooper, que por acaso é um dos maiores vendedores de chá do Ceilão (Sri Lanka), quando ainda era uma colônia britânica.
Apaixonada pelo marido e disposta a abrir mão de sua vida atual, Gwendolyn parte de navio da Escócia até o Ceilão, onde viverá na fazenda de chá do marido e assim espera por muitos anos de felicidade conjugal.

Plantação de chá no Ceilão - Achados do Pinterest

Então, em 1925, Gwendolyn chega a propriedade dos Hooper, um local paradisíaco e exótico, mas nada parece ser como imaginava.
O marido, que era tão carinhoso se torna distante e parece esconder segredos de Gwen. Sua cunhada Verity, irmã do marido, parece que deseja criar uma amizade com a nova responsável pela casa, mas na verdade é alguém que não é digna de confiança. 
Os vizinhos fofoqueiros, que também não são confiáveis, a aconselham a não dar confiança aos empregados. 
E os funcionários parecem nervosos e não confiam em seus patrões britânicos, um movimento no país que tem ganhado força por conta do papel de Gandhi na independência da Índia. 

Rastros de Sangue - Tony Hill & Carol Jordan #02

Autora: Val McDermid
Título original: The Wire in the Blood
Tradução: Marcelo Hauck
Série: Tony Hill & Carol Jordan
Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 434
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em cortesia pelo Grupo Editorial Record |

Sinopse: Livro que deu origem ao seriado Wire in the Blood.
Garotas estão desaparecendo por todo o país, e, aparentemente, não há qualquer ligação entre os desaparecimentos. Cabe à recém-formada equipe de análise do Dr. Tony Hill ir atrás de pistas que estabeleçam padrões ou conexões. Mas, após um subordinado surgir com uma hipótese, um dos membros da equipe aparece morto, e a questão se torna pessoal. Agora, acompanhado de sua colega Carol Jordan, Hill embarca em uma campanha de terror psicológico onde os papéis de caça e caçador podem se confundir com facilidade. Depois de tantos anos investigando as mentes de homicidas insanos, a dupla está prestes a descobrir que homens sãos também matam.

Rastros de Sangue é o segundo de uma série que, até agora pelo menos, já tem 10 livros publicados no exterior. Cada título da saga Tony Hill & Carol Jordan criada por Val McDermid acompanha o psicólogo especializado em mentes criminosas (Tony) e a famosa policial (Carol) desvendando casos dignos dos episódios de Criminal Minds - só que na versão britânica. Este segundo livro também foi a inspiração para o início da série inglesa Wire in the Blood, que rendeu 6 temporadas (de 2002 a 2008).

Ainda não tive a oportunidade de ler a primeira obra da saga, O Canto das Sereias (também publicada pela Bertrand Brasil), mas, como cada narrativa tem um caso diferente, não há um grande dano. Devo dizer porém que há pequenos spoilers sobre o que aconteceu no primeiro livro, até porque em Rastros de Sangue, tanto Tony como a Carol estão em um processo de recuperação por conta do que aconteceu no primeiro caso em que trabalharam juntos.

"Quando você olha para o abismo, o abismo olha para você."

Neste livro, encontramos o psicólogo Tony Hill ainda assombrado com o desfecho do último caso que trabalhou e se preparando para formar a primeira equipe de policiais especialistas em perfis criminais da Inglaterra. Embora o FBI treine seus agentes por dois anos para exercer essa função, Tony terá apenas duas semanas antes que entrem em ação.

Ao mesmo tempo, Carol Jordan foi promovida a detetive inspetora-chefe e transferida para o norte da Inglaterra, em East Yorkshire. Ela agora tem o desafio de ganhar o respeito dos policiais locais (e machistas), além do trabalho diário.

#Lançamentos: Arqueiro e Sextante



Me parece que o tempo voa cada vez mais rápido! Já estamos em abril e, como sempre, a Arqueiro e a Sextante continuam arrasando nos lançamentos de livros! São tantos títulos bons que nem consigo decidir qual desejo ler primeiro. (Hahaha)
Aproveite para conferir abaixo as novidades e aumentar sua lista de desejados! ;)


Arqueiro


A Luz Que Perdemos, de Jill Santopolo

Da lista de mais vendidos do The New York Times, USA Today e Publishers Weekly.
“Fãs de Um dia e Como eu era antes de você vão se apaixonar e chorar por este livro.” – New York Post
“Jill Santopolo explora muito bem os temas da paixão, do destino e do que verdadeiramente faz uma boa pessoa. Uma história bela e devastadora, que vai cativar os leitores.” – Kirkus Reviews
A luz que perdemos é um romance impactante sobre o poder do primeiro amor. Uma ode comovente aos sacrifícios que fazemos em nome dos nossos sonhos e uma reflexão sobre os extremos que perseguimos em nome do amor.
Lucy e Gabe se conhecem na faculdade na manhã de 11 de setembro de 2001. No mesmo instante, dois aviões colidem com as Torres Gêmeas. Ao ver as chamas arderem em Nova York, eles decidem que querem fazer algo importante com suas vidas, algo que promova uma diferença no mundo.
Quando se veem de novo, um ano depois, parece um encontro predestinado. Só que Gabe é enviado ao Oriente Médio como fotojornalista e Lucy decide investir em sua carreira em Nova York.
Nos treze anos que se seguem, o caminho dos dois se cruza e se afasta muitas vezes, numa odisseia de sonhos, desejo, ciúme, traição e, acima de tudo, amor. Lucy começa um relacionamento com o lindo e confiável Darren, enquanto Gabe viaja o mundo. Mesmo separados pela distância, eles jamais deixam o coração um do outro.
Ao longo dessa jornada emocional, Lucy começa a se fazer perguntas fundamentais sobre destino e livre-arbítrio: será que foi o destino que os uniu? E, agora, é por escolha própria que eles estão separados? 

Volta Para Casa, de Harlan Coben

“O sucesso de Coben se deve à sua habilidade em retratar pessoas comuns tomando atitudes extremas diante de circunstâncias fora de seu controle.” – The New York Times
“Os fãs da série vão adorar rever Myron, Win, Esperanza e outros personagens conhecidos. Este é um livro destinado ao sucesso.” – Booklist
“Em Volta para casa, Harlan Coben combina um drama familiar com uma trama ardilosa. Seus fãs não vão conseguir largar o livro.” – Publishers Weekly 
Dez anos atrás, dois meninos de 6 anos foram sequestrados enquanto brincavam na casa de um deles, uma mansão em um bairro elegante de Nova Jersey. Mas, após o pedido de resgate, as famílias nunca mais tiveram notícias dos sequestradores nem de seus filhos. 
Agora, Myron Bolitar e seu amigo Win acreditam ter localizado um deles, o adolescente Patrick, e farão de tudo para resgatá-lo e obter as respostas pelas quais todos anseiam:
O que aconteceu no dia em que foram raptados?
Onde ele esteve durante todo esse tempo?
E, o mais importante, onde está Rhys, seu amigo ainda desaparecido?
Após cinco anos sem escrever nenhum livro da série Myron Bolitar, Harlan Coben brinda os leitores com Volta para casa, um suspense explosivo, como só o seu talento pode criar. Um thriller profundamente comovente sobre amizade, família e o verdadeiro significado de lar.

Almanova - Trilogia Incarnate #01

Autora: Jodi Meadows
Título original: Incarnate 
Tradução: Ana Resende 
Série: Trilogia Incarnate
Editora: Valentina
Páginas: 288
Onde encontrar: AmazonBr | Cultura | Saraiva | Travessa

| Livro cedido em parceria com a Editora Valentina |

Sinopse: Ana é nova. Por milhares de anos, no Range, milhões de almas vêm reencarnando, num ciclo infinito, para preservar memórias e experiências de vidas passadas. Entretanto, quando Ana nasceu, outra alma simplesmente desapareceu... e ninguém sabe por quê.
A própria mãe de Ana pensa que a filha é uma sem-alma, um aviso de que o pior está a caminho, por isso decidiu afastá-la da sociedade. Para fugir deste terrível isolamento e descobrir se ela mesma reencarnará, Ana viaja para a cidade de Heart, mas os cidadãos de lá temem sua presença. Então, quando dragões e sílfides resolvem atacar a cidade, a culpa deverá recair sobre...
Sam acredita que a alma nova de Ana é boa e valiosa. Ele, então, decide defendê-la, e um sentimento parece que vai explodir. Mas será que poderá amar alguém que viverá apenas uma vez? E será também que os inimigos – humanos ou nem tanto -- de Ana os deixarão viver essa paixão?

Almanova faz parte da trilogia Incarnate, escrita por Jodi Meadows e publicada no Brasil pela editora Valentina. E, aqueles que só leem séries quando completas, podem se alegrar porque já temos os três livros disponíveis nas livrarias (Almanova, Almanegra e Infinita). 

Para essa história, a autora criou um universo diferente e misterioso. Em Range, as mesmas almas nascem e renascem há milhares de anos. É um ciclo infinito sem nenhuma alteração, isso até o nascimento de Ana. O mistério envolto no nascimento de Ana fica ainda maior pelo fato de que uma antiga alma morreu próximo a esse nascimento e nunca mais renasceu. 

Assim, Ana foi criada por uma mãe que não a suportava. Com vergonha de ter uma filha “sem-alma”, Li (a mãe biológica de Ana) isolou as duas nas montanhas, onde a garota cresceu praticamente sozinha e sofrendo em uma relação extremamente abusiva. 


Quando Ana chega ao seu limite, ela separa seus poucos pertences e parte para a cidade de Heart, onde espera encontrar respostas para o seu nascimento e sua vida. Só que o mundo exterior não é bondoso com os seres humanos e Ana é atacada por sílfides na floresta. Durante a fuga desses seres mortais, a jovem se joga em um lago congelado e teria uma morte certa se não fosse por Sam.

Clube Skoob #09


Olá, leitorxs!!!

Aqui estou eu novamente para falar mais uma vez do Clube Skoob!!! \o/
Quem já está seguindo o blog nas redes sociais (Facebook | Instagram | Twitter | Skoob | Youtube) pode ter conferido meu unboxing no stories do Instagram. Se não viu, comece a nos seguir porque sempre tem algo bacana por lá! ;)

Você pode conhecer também os detalhes das caixas anteriores nos posts:



Esse mês, na Caixa #09, o tema foi “Marcas”! E, como gosto muito de dividir os detalhes com vocês, tirei uma foto com tudo o que tinha no kit e numerei os itens para vocês não perderem nada. ;)

A Coroa da Vingança - Deuses do Egito #03

Autora: Colleen Houck 
Título original: Reunited
Tradução: Alves Calado 
Série: Deuses do Egito
Editora: Arqueiro
Páginas: 416
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro |

Sinopse: Meses após sua pacata vida como herdeira milionária sofrer uma reviravolta e ela embarcar numa vertiginosa jornada pelo Egito, Lilliana Young está praticamente de volta à estaca zero.
Suas lembranças das aventuras egípcias e, especialmente, de Amon, o príncipe do sol, foram apagadas, e só resta a Lily atribuir os vestígios de estranhos acontecimentos a um sonho exótico. A não ser por um detalhe: duas estranhas vozes em sua mente, que pertencem a uma leoa e uma fada, a convencem de que ela não é mais a mesma e que seu corpo está se preparando para se transformar em outro ser.
Enquanto tenta dar sentido a tudo isso, Lily descobre que as forças do mal almejam destruir muito mais que sua sanidade mental – o que está em jogo é o futuro da humanidade.
Seth, o obscuro deus do caos, está prestes a se libertar da prisão onde se encontra confinado há milhares de anos, decidido a destruir o mundo e todos os deuses. Para enfrentá-lo de uma vez por todas, Lily se une a Amon e seus dois irmãos nesta terceira e última aventura da série Deuses do Egito.

Chegamos enfim ao último livro da trilogia Deuses do Egito
Como vocês já devem saber, nós aqui do LOHS somos muito fãs da Colleen Houck desde a publicação da série Tigres e até a entrevistamos durante a Bienal do Livro no Rio (quando veio para o Brasil em 2015). Por isso, ficamos sempre muito entusiasmadas para checar o fim dessa história tão interessante e maluca. 

Esse último livro, A Coroa da Vingança, começa logo após o final do segundo título da trilogia, logo, mais uma vez Lily se vê separada de Amon e de seus irmãos, Asten e Ahmose, só que dessa vez ela tem a companhia sempre presente da leoa Tia e da fada Ashleigh. O único porém nessa história toda é que algo ocorreu a Lily na viagem de volta e agora ela perdeu completamente a memória sobre seus feitos e seus poderes. 


Então, começamos o terceiro livro praticamente no mesmo ponto do início do primeiro. A jovem Lily não tem nenhum tipo de preocupação sobre salvar o mundo das forças maléficas de Seth, mas começa a achar que está enlouquecendo ao ouvir a leoa Tia e da fada Ashleigh no dia-a-dia, já que ela não faz menor ideia de tudo o que rolou desde que o príncipe Amon despertou no museu em Nova York e ela teve que ajudá-lo em uma missão de vida ou morte até o Egito (e também por mundos não navegados pelos vivos), que resultou em um grande amor entre os dois.

#Novidades #GRL/PWR do Mundo Literário


Oi, meninas, tudo bom?! Vocês percebem que o mundo literário está cheio de novidades quando sua caixa de entrada fica com 20 e-mails de news diversas e você não tem tempo de dividir toda essa maravilhosidade com quem mais importa: isso, você, minha querida leitura!
Hoje, além de ser um dia pra dividir notícia boa, é também Dia Internacional das Mulheres, por isso, decidimos fazer esse post especial dedicado às nossas irmãs pelo mundo!

DarkSide

Comecemos com a DarkSide, que apareceu já com uma voadora!

Um clássico que atravessou o tempo para inspirar mestres da literatura, agora em quadrinhos.

Há mais de 50 anos, as palavras de Madeleine L’Engle encantam gerações de leitores e inspiram escritores a quebrarem as barreiras terrestres para explorar novos mundos. Uma dobra no tempo é aquele tipo de livro que tem lugar cativo na estante e no coração dos leitores, e de vez em quando cai nas mãos de seu dono para que ele possa voltar no tempo. E verdade seja dita: quem se aventurou por suas páginas nunca mais enxergou noites escuras e tempestuosas da mesma maneira.

Clube Skoob #08


Olá, leitorxs!!!

Aqui estou eu novamente para falar mais uma vez do Clube Skoob!!! \o/
Quem já está seguindo o blog nas redes sociais (Facebook | Instagram | Twitter | Skoob | Youtube) pode ter conferido meu unboxing no stories do Instagram. Se não viu, comece a nos seguir porque sempre tem algo bacana por lá! ;)

Você pode conhecer também os detalhes das caixas anteriores nos posts:



Esse mês, na Caixa #08, o tema foi “Animais”! E, como gosto muito de dividir os detalhes com vocês, tirei uma foto com tudo o que tinha no kit e numerei os itens para vocês não perderem nada. ;)

#Lançamentos: Arqueiro e Sextante


Fevereiro passou muito rápido e chegamos a março!! Como sempre, a Arqueiro e a Sextante continuam arrasando nos lançamentos de livros! São tantos títulos bons que nem consigo decidir qual desejo ler primeiro. (Hahaha)
Aproveite para conferir abaixo as novidades e aumentar sua lista de desejados! ;)


Arqueiro


Operação Red Sparrow, de Jason Matthews

Lançado originalmente no Brasil como Roleta Russa, Operação Red Sparrow foi adaptado para o cinema com Jennifer Lawrence como protagonista.
“Poucas vezes li um romance tão rico em detalhes. Entre manobras para confundir o inimigo e armadilhas sexuais, fugas mirabolantes e transmissões secretas, Jason Matthews oferece ao leitor uma cartilha sobre o romance de espionagem do século XXI.” – Charles Cumming, The New York Times
Desde pequena, o sonho de Dominika Egorova era fazer parte do Bolshoi, o balé mais importante da Rússia. Após ser vítima de uma sabotagem, porém, ela vê sua promissora carreira se encerrar de forma abrupta. Logo em seguida, mais um golpe: a morte inesperada do pai, seu melhor amigo.
Desnorteada, Dominika cede à pressão do tio, vice-diretor do serviço secreto da Rússia, o SVR, e entra para a organização. Pouco tempo depois, é mandada à Escola de Pardais, um instituto onde homens e mulheres aprendem técnicas de sedução para fins de espionagem.
Em seus primeiros meses como pardal, ela recebe uma importante missão: conquistar o americano Nathaniel Nash, um jovem agente da CIA, responsável por um dos mais influentes informantes russos que a agência já teve. O objetivo é fazê-lo revelar a identidade do traidor, que pertence ao alto escalão do SVR.
Logo Dominika e Nate entram num duelo de inteligência e táticas operacionais, apimentado pela atração irresistível que sentem um pelo outro.

A Mulher na Janela, de A. J. Finn

Primeiro lugar na lista do The New York Times.
“A mulher na janela é um daqueles raros livros realmente impossíveis de largar.” – Stephen King
“Surpreendente. Arrebatador. Sensacional. Um suspense noir para o novo milênio, com personagens fascinantes, reviravoltas formidáveis, uma escrita primorosa e uma narradora com quem eu adoraria tomar uma garrafa de vinho. Talvez duas garrafas.” – Gillian Flynn, autora de Garota exemplar
Anna Fox mora sozinha na bela casa que um dia abrigou sua família feliz. Separada do marido e da filha e sofrendo de uma fobia que a mantém reclusa, ela passa os dias bebendo (muito) vinho, assistindo a filmes antigos, conversando com estranhos na internet e... espionando os vizinhos.
Quando os Russells – pai, mãe e o filho adolescente – se mudam para a casa do outro lado do parque, Anna fica obcecada por aquela família perfeita. Até que certa noite, bisbilhotando através de sua câmera, ela vê na casa deles algo que a deixa aterrorizada e faz seu mundo – e seus segredos chocantes – começar a ruir.
Mas será que o que testemunhou aconteceu mesmo? O que é realidade? O que é imaginação? Existe realmente alguém em perigo? E quem está no controle?
Neste thriller diabolicamente viciante, ninguém – e nada – é o que parece. A mulher na janela é um suspense psicológico engenhoso e comovente que remete ao melhor de Hitchcock.

A Pérola Que Rompeu a Concha

Autora: Nadia Hashimi
Título original: The Pearl that Broke Its Shell
Tradução: Simone Reisner
Editora: Arqueiro
Páginas: 448
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro |

Sinopse: Filhas de um viciado em ópio, Rahima e suas irmãs raramente saem de casa ou vão à escola em meio ao governo opressor do Talibã. Sua única esperança é o antigo costume afegão do bacha posh, que permite à jovem Rahima vestir-se e ser tratada como um garoto até chegar à puberdade, ao período de se casar.
Como menino, ela poderá frequentar a escola, ir ao mercado, correr pelas ruas e até sustentar a casa, experimentando um tipo de liberdade antes inimaginável e que vai transformá-la para sempre.
Contudo, Rahima não é a primeira mulher da família a adotar esse costume tão singular. Um século antes, sua trisavó Shekiba, que ficou órfã devido a uma epidemia de cólera, salvou-se e construiu uma nova vida de maneira semelhante. A mudança deu início a uma jornada que a levou de uma existência de privações em uma vila rural à opulência do palácio do rei, na efervescente metrópole de Cabul.
A pérola que rompeu a concha entrelaça as histórias dessas duas mulheres extraordinárias que, apesar de separadas pelo tempo e pela distância, compartilham a coragem e vão em busca dos mesmos sonhos. Uma comovente narrativa sobre impotência, destino e a busca pela liberdade de controlar os próprios caminhos.

A Pérola Que Rompeu a Concha é um livro que me deixou curiosa logo em seu lançamento. Só de ler a sinopse já fiquei desejando conhecer mais a fundo a história de Rahima e Shekiba, além de compreender um pouco mais dessa misteriosa cultura que parece tratar as mulheres com tão pouca cortesia.

Confira abaixo o booktrailer de A Pérola Que Rompeu a Concha:


O livro é dividido em duas narrativas, uma feita pela jovem Rahima que vive nos tempos atuais do Afeganistão, assolado e quase destruído por inúmeras guerras sem fim, e a outra é feita por sua trisavó Shekiba que viveu por volta de 1900 no mesmo país.

#Novidades do Mundo Literário





Em pleno Carnaval, achei interessante trazer algumas novidades do mundo literário para todos que, como eu, pretendem passar esse feriadão no Bloquinho dos Unidos da Netflix. Sério: quer melhor momento para colocar as séries em dia do que esses cinco dias de casa? Para complementar ainda mais a beleza do catálogo da Netflix, trouxe para vocês uma pequena listinha do que algumas editoras reservaram para seus leitores fiéis. 

Arqueiro

A editora Arqueiro está lançando o livro Red Sparrow, o qual já está com filme preparadíssimo para chegar às telas em março de 2018! O trailer está sensacional; confiram!



#Lançamentos: Grupo Editorial Record



Como estão as volta às aulas?! Aproveitaram bem as férias? Espero que sim!
Vejamos o que o Grupo Editorial Record preparou para nós nesse mês de Carnaval! 



Feminismo em comum, de Marcia Tiburi 
O livro de Marcia Tiburi, que marca o relançamento do selo Rosa dos Tempos, é um manifesto sobre o feminismo e a sua potência transformadora. O conceito de feminismo surge, neste livro, como o desejo e a via para uma democracia radical voltada à luta por direitos de todas, todes e todos que padecem sob injustiças sistematicamente armadas pelo patriarcado. O que a autora chama de patriarcado é um sistema profundamente enraizado na cultura e nas instituições, o qual o feminismo busca desconstruir. Ele tem por estrutura a crença em uma verdade absoluta, que sustenta a ideia de haver uma identidade natural, dois sexos considerados normais, a diferença entre os gêneros, a superioridade masculina, a inferioridade das mulheres e outros pensamentos que soam bem limitados, mas ainda são seguidos por muitos. Com este livro, Marcia Tiburi nos convida a repensar essas estruturas e a levar o feminismo muito a sério, para além de modismos e discursos prontos.

O Príncipe Serpente - Trilogia dos Príncipes #03

Autora: Elizabeth Hoyt
Título original: The Serpent Prince
Tradução: Ana Resende e Carolina Simmer
Série: Trilogia dos Príncipes
Editora: Record
Páginas: 364
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |

Sinopse:
O terceiro livro da série de romances de época com uma forte pitada de erotismo.
Quando o diabo encontra um anjo...
Lucy Craddock-Hayes está satisfeita com a vida tranquila no interior. Até o dia em que tropeça num homem inconsciente — um homem inconsciente e nu — e perde para sempre sua inocência.
Ele pode levar ao paraíso...
O visconde Simon Iddesleigh apanhou de seus inimigos até quase morrer. Agora ele está determinado a se vingar. Mas quando Lucy cuida dele para restaurar sua saúde, a sinceridade da jovem surpreende sua sensibilidade calejada — e desperta um desejo que ameaça consumir os dois.
Ou ao inferno.
Encantada com a inteligência perspicaz de Simon, com seus modos urbanos e até com seus sapatos de solado vermelho, Lucy rapidamente se apaixona por ele. Embora sua honra o mantenha longe dela, a vingança envia os agressores de Simon à sua porta. Enquanto o visconde entra em guerra contra seus inimigos, Lucy luta pela própria alma, usando a única arma que tem — seu amor...

O Príncipe Serpente é o último volume da Trilogia dos Príncipes (O Príncipe Corvo e O Príncipe Leopardo), escrita por Elizabeth Hoyt. Eu havia me encantado com os enredos diferentes dos dois primeiros livros e, por isso, estava bem curiosa para descobrir que tipo de história fecharia a série.

O livro tem como protagonista o visconde Simon Iddesleigh, que é amigo de Edward de Raaf, o conde de Swartingham, e também do senhor Harry Pye (protagonistas dos dois primeiros títulos da trilogia). E a senhorita Lucy Craddock-Hayes, uma jovem do interior sem grandes pretensões na vida.

A história inicia quando Lucy, durante seu passeio rotineiro pela região, toma um grande susto ao encontrar um homem nu jogado à beira da estrada. A princípio ela e seu criado acreditam que o homem já está morto, mas quando percebe que ainda resta um pouco de vida no pobre coitado, ela logo envia seu criado para procurar ajuda o mais rápido possível.

O visconde Simon Iddesleigh, depois de quase apanhar até a morte, acorda e se descobre sendo tratado por um anjo chamado Lucy Craddock-Hayes. Uma jovem completamente inocente e diferente de todas as mulheres que já conheceu. A vontade de ficar cada vez mais próximo de Lucy é cada vez maior, mas Simon acredita que não pode corromper uma garota tão boa com toda sua maldade. 

Lucy por outro lado, desde a chegada de Simon em sua casa, ganhou uma nova percepção de mundo e do que realmente deseja para si - o que, nesse caso, venha a ser o próprio Simon. Mas o que Lucy não sabe ainda é que Simon está determinado a vingar a morte de seu irmão, assassinando todos que tramaram para esse desfecho. E, sendo uma jovem cristã devota, Lucy é completamente contra o assassinato.

Resultado Top Comentarista #Janeiro + Top Comentarista #Fevereiro


Olá, queridos leitores! Como vocês estão? Espero que estejam todos recuperados das férias e entrando na rotina novamente, com força total nesse 2018! Teremos mais um Top com livro autografado pra animar esse Carnaval aí (uhul!). Mas antes, vamos conferir o resultado do Top de Janeiro??

Primeiro, vejamos quem foi a sortuda(o) que levou para casa A História de Nós Dois e Melancia (Autografado)

#Lançamentos: Arqueiro e Sextante


O mês de janeiro já acabou e já estamos quase no Carnaval! E, como sempre, a Arqueiro e a Sextante continuam arrasando nos lançamentos de livros! São tantos títulos bons que nem consigo decidir qual desejo ler primeiro. (Hahaha)
Aproveite para conferir abaixo as novidades e aumentar sua lista de desejados! ;)


Arqueiro


Batman - Criaturas da Noite, de Marie Lu

“O mais complicado ao criar uma história sobre o Batman é saber entrar na mente de Bruce Wayne. Lu acertou na mosca... Ela  laborou uma versão do personagem que vai intrigar fãs e recém-chegados.” – Kirkus Reviews
As criaturas da noite estão caçando a elite de Gotham. Bruce Wayne é o seu novo alvo.
Bruce Wayne está prestes a completar 18 anos e herdar a fortuna de sua família, além do controle das indústrias Wayne. No entanto, no dia do seu aniversário, ele faz uma escolha impulsiva e é condenado a prestar serviço comunitário no Asilo Arkham, uma mescla de prisão e hospital psiquiátrico onde estão detidos os criminosos mais desequilibrados da cidade.
Lá ele conhece Madeleine, integrante das Criaturas da Noite, um grupo radical que deseja acabar com a elite de Gotham. Até então, a moça se recusava a confessar seus crimes ou informar à polícia os futuros ataques que planejavam, mas ela resolve se abrir para Bruce Wayne, dando início a um perigoso jogo de sedução e inteligência.
Será que o jovem Wayne vai conseguir convencê-la a revelar todos os seus segredos ou ela está apenas manipulando-o para arruinar Gotham?  Enquanto o golpe final das Criaturas da Noite se aproxima, Bruce percebe que não é tão diferente de Madeleine. E, mesmo longe de se tornar o Cavaleiro das Trevas, precisará provar que está preparado para deter uma das maiores ameaças que Gotham já presenciou.

Um Sedutor sem Coração, de Lisa Kleypas

“A caracterização perspicaz, a química entre os personagens, uma pitada de humor mordaz e um herói lindo de morrer – tudo isso deixará as legiões de fãs de Lisa Kleypas encantadas.” – Booklist
“Uma narrativa temperada com tiradas espirituosas e cenas sensuais. A mudança nas motivações dos personagens eleva este romance a um lugar de destaque.” – RT Book Reviews
Devon Ravenel, o libertino mais maliciosamente charmoso de Londres, acabou de herdar um condado. Só que a nova posição de poder traz muitas responsabilidades indesejadas – e algumas surpresas.
A propriedade está afundada em dívidas e as três inocentes irmãs mais novas do antigo conde ainda estão ocupando a casa. Junto com elas vive Kathleen, a bela e jovem viúva, dona de uma inteligência e uma determinação que só se comparam às do próprio Devon.
Assim que o conhece, Kathleen percebe que não deve confiar em um cafajeste como ele. Mas a ardente atração que logo nasce entre os dois é impossível de negar.
Ao perceber que está sucumbindo à sedução habilmente orquestrada por Devon, ela se vê diante de um dilema: será que deve entregar o coração ao homem mais perigoso que já conheceu?
Um sedutor sem coração inaugura a coleção Os Ravenels com uma narrativa elegante, romântica e voluptuosa que fará você prender o fôlego até o final.

Os 12 Signos de Valentina

Autora: Ray Tavares
Editora: Galera
Páginas: 392
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |

Sinopse: Isadora descobriu da pior forma possível que o namorado a traíra. E com sua melhor amiga, ainda por cima! A estudante de jornalismo entra numa fossa sem fim. Sem nenhum estágio à vista, ela se afoga em filmes feitos para chorar, pizza e em sua mais nova obsessão: stalkear o perfil do ex namorado no Facebook. Até descobrir exatamente o que deu errado entre ela e Lucas: seus signos são incompatíveis. Basta encontrar um rapaz de libra e seu mundo entrará nos eixos novamente. Com a nova obsessão e a desculpa do trabalho final de jornalismo online, uma reportagem investigativa sob um pseudônimo, Isadora une o útil ao agradável e cria um blog para relatar a experiência: Os 12 signos de Valentina. Já que precisa encontrar o libriano perfeito, por que não aproveita e experimenta os outros signos do zodíaco para ter certeza mesmo?

Os 12 Signos de Valentina reuniu mais de dois milhões de leitores no Wattpad. Foi um sucesso tão grande que a autora, Ray Tavares, chamou a atenção de grandes editoras no Brasil e teve seu livro publicado pela Galera Record

Tenho que confessar para vocês que não fazia ideia do que esperar desse livro porque nunca tinha ouvido falar dele até recebê-lo aqui em casa. Mas, obviamente, fiquei curiosa em conhecê-lo porque reúne algumas das coisas que mais gosto: romance e signos!

"Naquela época, eu acreditava que, quando crescesse o suficiente para ser imune aos germes dos garotos, um lindo príncipe encaixaria um sapato de cristal no meu pé e nós viveríamos felizes para sempre em um castelo encantado.
Então eu cresci. E descobri que o príncipe está mais para um garoto arrogante e babaca, que não conhece muito bem as regras ortográficas e gramaticais. E não é exatamente um sapato que ele quer encaixar em você."
Isadora, p. 13

A história tem como protagonista a jovem Isadora, uma estudante de jornalismo da USP (Universidade de São Paulo), que achava já ter sua vida programada. Até descobrir durante sua festa de aniversário que seu então namorado Lucas a estava traindo com uma das melhores amigas da faculdade.

É assim que começa a maior fossa da vida de Isadora. Ela não tem mais ânimo para fazer nada e sem estágio ou qualquer tipo de trabalho, Isa entra em uma rotina de “passar” pela faculdade, se afogar em filmes para chorar, se acabar em pizza, não ter nenhum cuidado com a aparência e stalkear o perfil do ex-namorado no Facebook


Sua triste rotina muda quando Marina, sua prima e melhor amiga, a obriga a ir a uma festa e pelo menos tentar seguir em frente. Obviamente a noite não sai exatamente como Marina imaginava e, além de encher a cara e se perder dos amigos, Isadora se vê fazendo discursos e fortes manifestações no banheiro feminino da balada. Mas, no fim da noite, Isadora se vê abrindo o coração para a faxineira do local que explica a razão do namoro de Isadora e Lucas não ter funcionado: ela é de áries e ele é de peixes! Um é o inferno astral do outro!

ABC do Amor

Autoras: A. C. Meyer, Brittainy C. Cherry, Camila Moreira
Tradução: Andreia Barborsa
Editora: Galera Record
Páginas: 266

| Livro cedido em parceria com a Editora Galera Record |

Sinopse: O amor é o personagem principal desta antologia que reúne três das mais românticas autoras da atualidade. Inconveniente, não retribuído, desejado, com final feliz ou sem esperanças, o amor não sai de moda.
Em Doce reencontro, o destino encontra a saudade. Jade nunca esqueceu o ex-namorado, que terminou tudo e a trocou pela carreira. Mas a receita de um grande amor nunca desanda. O que acontece quando os dois se reencontram?
O perdão é capaz de mudar a história em As cartas que escrevemos. Quando Jake retorna à cidadezinha onde cresceu, o agora ator famoso só esperava ver o seu grande amor mais uma vez. Mesmo que fosse no altar. Com outro homem. É possível fazer Ana Louise mudar de ideia?
Além das cores prova que o amor pode nascer do desejo. Alice acabou com o pior tema no projeto final da faculdade. Ela precisa escrever a biografia de Leandro, um artista plástico temperamental, fechado e extremamente gato. A atração entre ambos é intensa, mas os fantasmas do passado podem atrapalhar tudo.

Eu estava desesperada para encontrar algum romance na minha prateleira, porque eu simplesmente não tinha mais nada para ler. (Os 28379 não lidos me julgam neste momento). Na pilha dos livros recebidos da parceria, encontrei essa despretensiosa antologia. A capa é delicada e as cores são leves. Assim que olhei para o livro soube que ele seria minha resposta para a leitura que eu precisava.

Espero que se você estiver um pouco perdida, precisando ler desesperadamente sobre o amor, saiba que esse ABC do Amor pode te ajudar! Três contos de três autoras especialistas no assunto encapados com muita delicadeza nos levarão para uma aventura por todas as formas de amor.


Clube Skoob #07


Olá, leitorxs!!!

Aqui estou eu novamente para falar mais uma vez do Clube Skoob!!! \o/
Quem já está seguindo o blog nas redes sociais (Facebook | Instagram | Twitter | Skoob | Youtube) pode ter conferido meu unboxing no stories do Instagram. Se não viu, comece a nos seguir porque sempre tem algo bacana por lá! ;)

Você pode conhecer também os detalhes das caixas anteriores nos posts:



Esse mês, na Caixa #07, o tema foi “Presentes”! E, como gosto muito de dividir os detalhes com vocês, tirei uma foto com tudo o que tinha no kit e numerei os itens para vocês não perderem nada. ;)

O Problema do Para Sempre

Autora: Jennifer L. Armentrout
Título original: The Problem With Forever
Tradução: Rachel Agavino
Editora: Galera
Páginas: 392

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |

Sinopse: Mallory viveu muito tempo em silêncio. Mas o destino lhe reserva um novo desafio. E ela percebe que está na hora de encontrar a própria voz
Já na infância, Mallory Dodge percebeu que só poderia sobreviver se ficasse calada. Teve que aprender a ficar o mais quieta possível. Aprendeu a passar despercebida. A se esconder. Mas agora, após ter sido adotada por pais amorosos e dedicados, ela precisa enfrentar um novo desafio: sobreviver ao último ano do Ensino Médio numa escola de verdade. O que Mallory não imaginava é que logo no primeiro dia de aula daria de cara com um velho amigo que não via desde criança, quando viviam juntos no abrigo. E começa a notar que não é a única que guarda cicatrizes do passado, além de uma paixão adormecida e inevitável.

Logo que a Galera Record anunciou o lançamento de O Problema do Para Sempre, eu fiquei interessada. Muitas pessoas recomendaram o livro comparando-o com algumas obras de Colleen Hoover (Um Caso Perdido, Métrica, O Lado Feio do Amor e Confesse). Depois associei a autora a outra série que tem sido publicada aqui no Brasil: a saga Lux (Obsidiana, Ônix e Opala), publicada no Brasil pela editora Valentina. Como os temas e os gêneros divergem completamente, fiquei sem saber muito do que esperar dessa obra.

O Problema do Para Sempre é um Young Adult que vai contar a história de Mallory. Órfã, quando criança vivia em um lar provisório com um casal abusivo e aprendeu que para sobreviver ela precisava se esconder e ficar calada. Até um dia que sofreu graves ferimentos e teve que ser levada ao hospital. A partir daí, a vida de Mallory mudou. 

Ela foi adotada por um casal de médicos, que são completamente diferentes de tudo o que havia conhecido. Seus pais adotivos são carinhosos e dedicados. Eles ajudam a jovem Mallory com a terapia e com os estudos em casa. Mallory se sente tão grata pela nova família que é a garota mais obediente e também segue o caminho que abriram para ela, mesmo que isso signifique estudar um curso que não deseja.

No momento atual, dois anos após a adoção de Mallory, ela se vê pronta para vencer mais um obstáculo: lidar com outras pessoas fora do seu círculo de confiança. Apesar da terapia ter ajudado - e muito -, a jovem ainda congela sempre que precisa conversar com outras pessoas e acaba tendo problemas para se socializar. 

Por isso, Mallory se vê indo para o colégio para cursar o último ano de estudos. A meta da garota é simples: criar um (a) amigo (a). Mas obviamente não será tão fácil assim.

#Sorteio - Assassinato no Expresso do Oriente: Resultado!


Olá, leitorxs!!! 

O nosso sorteio de Assassinato no Expresso do Oriente , edição da Harper Collins Brasil com capa do filme chegou ao fim. 
Trago hoje o resultado para vocês. Obrigada a todos que participaram!!

Mas agora, quem será o (a) sortudo (a) que levará para casa esta edição de capa dura maravilhosa? Curioso (a)? Confiram o resultado! :)

E o (a) ganhador (a) do livro foooooi...

Belinda & Em

Autora: Cammie McGovern
Título original: A Step Toward Falling
Tradução: Alda Lima
Editora: Galera
Páginas: 400

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |

Sinopse: Autora de “Amy & Matthew”, Cammie McGovern volta às livrarias contando a história de uma outra dupla desta vez. Emily sempre se orgulhou da sua capacidade de enxergar além das aparências. Copresidente da Coalizão para Ação Jovem da escola, é a primeira a defender os direitos das minorias. Mas, secretamente, Emily ainda é um pouquinho fascinada pelos populares da escola. E nutre um leve rancor quanto a sua inexistente vida amorosa. É justamente enquanto pensa nisso que a garota testemunha uma colega de classe com necessidades especiais, Belinda, ser atacada embaixo das arquibancadas da escola. E não faz nada. Emily e Lucas, outra testemunha passiva do ataque, são obrigados a prestar serviço comunitário em um centro de pessoas como Belinda. Logo os jovens começam a sentir que podem fazer uma diferença real.

Cammie McGovern não é uma autora que eu conhecesse antes de receber Belinda & Em da Galera Record. Mas achei incrível o fato dessa mulher, com três filhos - sendo um deles autista -, utilizar os romances como forma de propagar algumas das histórias incríveis sobre pessoas com diferentes deficiências que conheceu ao longo dos anos. 

Cammie e o filho com autismo
A história de Belinda & Em foi inspirada na Whole Children/Milestones, uma instituição fundada pela própria Cammie há 14 anos que continua ajudando pessoas com deficiências em Massachusetts, no Estados Unidos. 

O livro tem a narração dividida entre Emily e Belinda. Duas jovens diferentes, mas que se conhecem de certa forma desde a infância por causa da escola.

Emily é uma adolescente comum que sempre teve orgulho de ser a co-presidente da Coalizão para Ação Jovem do colégio onde estuda. O grupo é o primeiro a defender as minorias e a realizar movimentos que incentivam práticas saudáveis entre os alunos. Em sabe o quão importante é uma pessoa ser politicamente ativa e tem orgulho dos feitos que conseguiu alcançar, como, por exemplo, convencer os funcionários da cantina a usar materiais recicláveis.
Secretamente, Emily tem uma grande mágoa por sua vida amorosa inexistente e também certa fascinação pelos “populares”.

Só que a vida de Em tem uma virada durante um jogo de futebol americano da escola, quando ela vê Belinda, uma garota com necessidades especiais, sendo atacada embaixo da arquibancada e não faz nada!

O Livro do Cemitério em HQ #01

Autor: Neil Gaiman
Adaptação de: P. Craig Russell
Ilustrações de: Kevin Nowlan, P. Craig Russell, Tony Harris, Scott Hampton, Galen Showman, Jill Thompson e Stephen B. Scott
Título original: The Graveyard Book
Tradução: Ryta Vinagre
Editora: Rocco Jovens Leitores
Páginas: 192

| Edição cedida em parceria com o Grupo Editorial Rocco |

Sinopse: Bestseller do The New York Times e premiado com as medalhas Newbery (EUA) e Carnegie (Reino Unido), o romance O livro do cemitério, do cultuado escritor Neil Gaiman, ganha versão em quadrinhos adaptada por P. Craig Russell, parceiro de Gaiman em diversos livros, incluindo a versão em HQ de outro clássico do autor, Coraline.
O livro é o primeiro de dois volumes que acompanham a trajetória de Ninguém Owens, ou Nin, um garoto como outro qualquer, exceto pelo fato de morar em um cemitério e ser criado por fantasmas. Cada capítulo nesta adaptação de Russell acompanha dois anos da vida do menino e é ilustrado por um artista diferente, apresentando uma variedade fascinante de estilos que dão ainda mais vida à atmosfera ao mesmo tempo afetuosa e sombria da história.

Eu gosto muito do Neil Gaiman, mas O Livro do Cemitério é um dos títulos que ainda não tive a chance de ler. Infelizmente, ninguém está querendo trocar esse livro no Skoob (Rsrsrs) - estou a procura! 

A obra original, publicada em 2008, foi inspirada O Livro da Selva (1894) que ficou muito conhecido por conta das adaptações de Mogli - O Menino Lobo. Mas Neil Gaiman sendo Neil Gaiman coloca como pano de fundo um cemitério. O Livro do Cemitério se tornou um bestseller e foi premiado com as medalhas Newbery (EUA) e Carnegie (Reino Unido).

Agora, a Rocco publica para nossa alegria a adaptação em quadrinhos da história por P. Craig Russell, amigo e parceiro do autor em outros livros - incluindo a versão em HQ de Coraline. A obra será dividida em dois volumes e conta com ilustrações de Kevin Nowlan, P. Craig Russell, Tony Harris, Scott Hampton, Galen Showman, Jill Thompson e Stephen B. Scott.

O primeiro volume da adaptação em HQ começa de forma sombria. Um homem chamado Jack, que se considera um profissional, assassina uma família quase completa. Mas, quando ele vai terminar o serviço e matar o bebê, ele se vê com um grande problema porque o garotinho desapareceu!

O menino, por algum motivo desconhecido, pulou do berço e foi engatinhando até o cemitério que ficava no alto da colina. Alguns dos fantasmas do local, logo se afeiçoaram ao garotinho e - ao perceberem o perigo que ele corria - decidiram protegê-lo. Assim, ele se torna Ninguém Owens, apelidado de Nin, um garoto criado por fantasmas e outros seres sobrenaturais que os vivos não fazem ideia de sua existência.

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook