O Fim da Eternidade

Autor: Isaac Asimov
Título Original: The End of Eternity
Tradução: Susana Alexandria
Editora: Aleph
Páginas: 255
Onde Encontrar: AmazonBr | Livraria Cultura | Submarino


Sinopse: Andrew Harlan é um Eterno: membro de uma organização que monitora e controla o Tempo. Um Técnico que lida diariamente com o destino de bilhões de pessoas no mundo inteiro: sua função é iniciar Mudanças de Realidade, ou seja, alterar o curso da História. Condicionado por um treinamento rigoroso e por uma rígida autodisciplina, Harlan aprendeu a deixar as emoções de lado na hora de fazer seu trabalho.
Tudo vai bem até o dia em que ele conhece a atraente Noÿs Lambent, uma mulher que abala suas estruturas e faz com que passe a rever seus conceitos, em nome de algo tão antigo quanto o próprio tempo: o amor. Agora ele terá de arriscar tudo - não apenas seu emprego, mas sua vida, a de Noÿs e até mesmo o curso da História.
Da extensa obra de Isaac Asimov, "O Fim da Eternidade", junto com a série "Fundação e The Gods Themselves", está entre os melhores livros escritos pelo autor, e é considerada uma das mais bem-sucedidas histórias de viagem no tempo.

O Fim da Eternidade é mais um dos livros de destaque de Isaac Asimov, e foi escrito em 1955. Dono de uma visão futurista, capaz de sonhar, em seus livros, com o futuro da humanidade e imaginar diversas vertentes para este futuro, em O Fim da Eternidade não é diferente. Talvez seja um de seus livros mais profundos, mas foi meu primeiro do autor, então vamos conferir o que eu senti com a obra e sua escrita única.

Aos quinze anos, Andrew Harlam foi selecionado para um cargo muito importante na Eternidade, se tornaria um membro de sua organização, um Técnico. Mas o que é a Eternidade?

Por volta do século 27, a humanidade descobriu, através de processos complexos e científicos relacionados à física, uma forma de viajar no tempo. Sejam elas para o passado ou para o futuro, as viagens no tempo ganharam uma organização própria, a Eternidade. Para controlar as mudanças que são causadas pelos membros da Eternidade e o porquê, existem diversos níveis hierárquicos e funções dentro dessa organização. Eles controlam, resumidamente, pequenas mudanças que podem ou não ser feitas na história, no espaço-tempo e através dessas mudanças, milhares de outros eventos se desenvolvem, seja para o bem ou para o mal dos séculos e dos seres humanos. Tudo é cuidadosamente gerido pelos membros da Eternidade. De uma forma simples, os Técnicos estudam e manipulam essas mudanças no tempo, e os computadores são as pessoas (não máquinas) que demandam essas mudanças para os técnicos e arquivam os dados.

O computador sênior denominado Twissell reconhece de início o talento do jovem Harlam, e o promove rapidamente entre os Técnicos, promovendo um grande destaque ao jovem ao longo de seus primeiros anos. Mas a estrela brilhante de Harlam incomoda outros computadores e técnicos e ao longo do livro, um dos computadores, Finge, tenta prejudicar constantemente o jovem observador do tempo. Apesar das divergências e incômodos pontuais, tudo estava indo muito bem para o prodígio, até que algo muda sua vida para sempre. Ele se apaixona por uma mulher, Noÿs Lambent.
Mesmo com suas responsabilidades dominando sua mente de Técnico da Eternidade, Harlam não consegue se desvencilhar do que sente por Noÿs e quando ficam juntos, ela se torna, definitivamente, o amor de sua vida.

Em uma de suas missões relacionadas a mudança de realidade, ele se encontra no século de sua amada e descobre que uma mudança afetará diretamente Noÿs. As mudanças causadas pelos Técnicos nem sempre causam mortes, mas sempre, de alguma forma, irão alterar a realidade. Isso pode mudar a personalidade das pessoas, os rumos de suas vidas, seus destinos, tudo. E observar isso ocorrer com sua amada faz com que Harlam esteja disposto a enfrentar, e mudar, qualquer coisa para tê-la em seus braços, intocada pela Eternidade.

" ...Queria aquela Noÿs ali, aquela que ele via naquele momento, a Noÿs desta realidade. Se ela tinha defeitos, queria os defeitos também. O que ele poderia fazer?".

Os fatos que se seguem  e o futuro dos personagens em meio a tantas mudanças temporais e desafios para ficarem juntos, eu não posso contar, o que posso dizer é que é um dos finais mais surpreendentes que já li. A obra me surpreendeu em vários sentidos. Tudo é muito bem explicado, sem detalhismo e exageros, por um autor que viveu nos anos 50, construiu toda essa realidade e a transformou em um marco da ficção científica. É de se orgulhar, não é?

" - Ao eliminar os desastre da Realidade – disse Noÿs –, a Eternidade exclui também os triunfos. É enfrentando as grandes dificuldades que a humanidade consegue alcançar com mais êxito os grandes objetivos. É do perigo e da insegurança que surge a força que impulsiona a humanidade para novas e grandiosas conquistas. Você consegue entender isso? Consegue entender que, ao afastar as armadilhas e vicissitudes que perseguem o homem, a Eternidade não deixa que ele encontre suas próprias soluções, boas e amargas, soluções reais que chegam quando a dificuldade é enfrentada, não evitada?".

A história é original e muito bem elaborada, o ponto do forte do livro. Eu sou apaixonada por livros de viagem no tempo e este é sem dúvidas "O" clássico da temática. Asimov possui uma escrita complexa, sim, mas é fácil se adaptar as suas palavras. Eu gosto de sua objetividade.
Os personagens são interessantes, mas o único defeito da leitura é a falta de profundidade neles. Harlam e Noÿs não são tão carismáticos quanto os outros mocinhos. Mas é de se esperar, afinal, vivem em um misto de mudanças constantes, tecnologia e certa frieza por parte da humanidade, desenvolvida ao longo dos séculos. Será que perderemos esse calor humano com o passar dos milênios? Espero que não.

É uma leitura recomendada para os fãs e para os que querem, como eu, ingressar a fundo na ficção científica, com ótimos títulos. Nem preciso dizer que a edição e revisão da Editora Aleph está impecável e linda. Eu adoro seus livros.
Fica a dica desse clássico futurista, leitores, e espero que se encantem por ele também, em algum momento de sua trajetória no espaço-tempo aqui na Terra. :)






12 comentários :

  1. Como sempre, a editora Aleph arrasando nas edições dos livros. Achei a capa maravilhosa. Não conhecia esse autor. Gosto muito desse tema de viagem no tempo, mas acho que até hoje ainda não li um livro que fale disso. Mas já assisti alguns filmes e adoro. Também não sou de ler livros de ficção científica não sei o por que. Mas essa junção me chamou a atenção :)

    ResponderExcluir
  2. Não li nenhum livro do autor, mas amei a premissa do livro, muito legal quando os personagens realizam uma viagem no tempo, deixa o livro bastante interessante, geralmente por causarem muita confusão, me apaixonei principalmente por adorar ficção científica

    ResponderExcluir
  3. Também sou apaixonada por livros sobre viagens no tempo, por isso já estou interessada, kkkkk. Você me deixou muito curiosa ao citar o ''final surpreendente'', sério, tenho que ler logo esse livro. Preciso saber o que aconteceu. Espero, realmente, gostar da leitura.

    ResponderExcluir
  4. Oi Camila!
    Não conhecia esse autor e nem o livro. Mas fico feliz que a editora Aleph resolveu nos presentear com essa obra e a capa ficou belíssima *-*
    Achei a trama interessantíssima. Talvez porque adoro tudo que arremete a viagens no tempo.
    Fiquei no mínimo curiosa pra saber quais as mudanças e desafios o Harlam e a Noÿs terão que enfrentar pra ficarem juntos.
    Adoro quando uma leitura me surpreende e mais ainda quando a trama é original e bem elaborada, como é o caso desse livro.
    Valeu pela dica!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li nenhum livro do autor, mas já ouvi falar dele. Achei essa capa muito bonita e interessante. Gosto de ficção cientifica e adoro historias com viagens no tempo, então acho que esse livro foi feito pra mim kkk. Outro ponto para o livro é que gosto de leituras que surpreendem. Só fiquei cismada com a falta de carisma dos protagonistas, concordo com você e espero que em um futuro muito distante não ficamos assim sem calor humano.

    ResponderExcluir
  6. É excelente assim, Ca. Confesso que não me atraiu a história, isso acontece com as temáticas de viagem no tempo. Não curto. Pelo menos nada que li me entreteu de uma forma boa.

    ResponderExcluir
  7. Já ouvi falar muito sobre o autor ,mas ate hj ainda não tive a oportunidade de ler nada dele :/
    Adorei sua resenha ,esse livro parece maravilhoso ,adoro histórias de viagens no tempo ,e com certeza vou adorar essa.

    ResponderExcluir
  8. eu quero muito ler os livros do asimov, mas até agora eu fico enrolando e não li nada...
    eu sou o contrário não sou muito fã de viagens no tempo (mas mesmo assim eu leio/assisto), , pq para a história dá um nó ou entrar em um loop infinito é bem fácil, mas pelo jeito os técnicos estão ai para resolver isso e por isso eu vou tentar ler essa história

    ResponderExcluir
  9. Camila, tudo bem?

    Não conhecia o autor. Aliás, leio pouco ficção. Acho que as únicas obras que li com viagem no tempo ou tem um escocês lindo de morrer ou um allstar e pés de alface.

    Você acha que, para quem não é muito fã do gênero, este livro é uma boa opção para mergulhar na temática?

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Krisna!

      Amoooo Outlander também ahahaha e Perdida também faz sucesso em relação as viagens no tempo!
      Eu acho que você deve arriscar mergulhar na ficção sim e ler este livro um dia, mas pode não ser bom pegá-lo como o primeiro, por ser bem complexo! Recomendo você pegar O Planeta dos Macacos, que eu ameeeei e tem resenha aqui também, ele é mais simples e incrível!!!
      Vou ler mais do Asimov em breve, fique no aguardo :D
      Obrigada pelo comentário, beijo!

      Excluir
  10. Um dos mestres da ficção, concordo com tudo o que disse na resenha, o autor viveu há muitos atrás e mesmo assim sua escrita continua atual, a imaginação e a escrita dele foram um marco para a época.
    Realmente essa questão de viagem no tempo pode se tornar real no futuro e precisaríamos de alguém para controlar as mudanças, esse debate sobre não deixar nada afetar sua amada e o que isso pode gerar é empolgante e viciante. Leia mais livros do autor, com certeza vai se surpreender muito mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi David!

      Vou ler com certeza mais livros dele, o próximo é Eu, robô :D
      Obrigada pelo comentário! Beijo

      Excluir

Obrigada por fazer quatro blogueiras felizes, seu comentário e sua opinião são muito importante pra nós! Todas as visitas e comentários serão retribuídos.

(Comentários contendo ofensas e palavras de baixo calão não serão aceitos).

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook