Depois Daquela Montanha

Autor: Charles Martin
Título Original: The Mountain Between Us
Tradução: Vera Ribeiro
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Onde Encontrar: AmazonBr | Submarino | Livraria Cultura

| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro |
Sinopse: O Dr. Ben Payne acordou na neve. Flocos sobre os cílios. Vento cortante na pele. Dor aguda nas costelas toda vez que respirava fundo. Teve flashes do que havia acontecido. Luzes piscavam no painel do avião. Ele estava conversando com o piloto. O piloto. Ataque cardíaco, sem dúvida. Mas havia uma mulher também – Ashley, ele se lembra. Encontrou-a. Ombro deslocado. Perna quebrada. Agora eles estão sozinhos, isolados a quase 3.500 metros de altitude, numa extensa área de floresta coberta por quilômetros de neve. Como sair dali e, ainda mais complicado, como tirar Ashley daquele lugar sem agravar seu estado? À medida que os dias passam, porém, vai ficando claro que, se Ben cuida das feridas físicas de Ashley, é ela quem revigora o coração dele. Cada vez mais um se torna o grande apoio e a maior motivação do outro. E, se há dúvidas de que possam sobreviver, uma certeza eles têm: nada jamais será igual em suas vidas.
Alguns livros nos cativam logo de cara. Com sua sinopse, escrita, personagens, situações. Sempre que nos envolvemos, queremos ir até o fim. E foi o que aconteceu durante a leitura de Depois Daquela Montanha, do autor Charles Martin. Desejei este livro a primeira vez por conta de sua adaptação para os cinemas. Uma das personagens principais, Ashley, será interpretada por uma das minhas atrizes favoritas, Kate Winslet, e conheci o filme e livro por conta desse detalhe. Nosso outro protagonista, Ben, terá como seu intérprete Idris Elba. Mas foi através do livro que minha ansiedade por essa adaptação literária despertou de fato.


Ben Payne é um médico ortopedista, que pretende pegar um voo rotineiro e que, por conta de uma nevasca, fica preso no aeroporto. Nesse mesmo avião, a jornalista Ashley tinha seu assento marcado. Ambos decidem, então, fretar um pequeno avião para que possam chegar ao seu destino independentemente das condições climáticas. É quando o pior acontece.



Seu piloto, Grover, sofre um ataque cardíaco em pleno voo, a 3.500 metros de altitude. O avião cai e, com a morte do piloto, Ben e Ashley são entregues a própria sorte. Feridos, sem suprimentos e completamente isolados, o casal precisa se unir para que possam sair dessa situação tenebrosa vivos. Um detalhe interessante é que o cachorro do piloto também sobrevive à queda e permanece com os dois sobreviventes o tempo todo. Sua luta pela vida, então, têm início.

"Esperar por alguém faz isso . Transforma minutos em horas, horas em dias e dias em vidas."

O livro é sobre essa árdua luta, porém vai muito além das condições momentâneas dos personagens. Narrado por Ben, aos poucos vamos conhecendo a história de vida de ambos, seus amores, suas dores e objetivos, e acompanhamos seus arrependimentos, dúvidas, e também o que os move, o que os faz desejar a vida mais que tudo. Torcemos e nos envolvemos com eles conforme a leitura flui. E flui de uma maneira simples, com uma escrita fácil.

Ben e Ashley são personagens bem diferentes, com personalidades distintas, mas que, ao viverem juntos essa tragédia, aprendem a completar um ao outro. Achei muito interessante essa construção dos personagens e ao longo do livro temos bons diálogos, momentos tensos e também momentos leves entre eles, o que equilibra bem a leitura, deixando o clima do livro não tão pesado quanto poderia ser.

"Quando o pior é uma possibilidade, é bom mantê-lo em perspectiva. Sem que a gente se esconda dele. Sem fugir. Ele pode acontecer. E, se e quando acontecer, é melhor ter pensado nele de antemão. Desse jeito, a pessoa não é esmigalhada quando o pior se torna realidade."

Gostei muito de Depois Daquela Montanha. É, de certa forma, simples e belo. Sempre curti muito livros e filmes que abordam tragédias. E não é pelo sofrimento alheio (não sou sádica rs) e sim porque sempre têm algo a nos ensinar.  Adorei o desenvolvimento da história, os flashbacks que vão preenchendo as lacunas vazias e a narrativa. É um belo livro, com várias lições importantes para nós, leitores, e mesmo que em alguns momentos, ele fuja da realidade nas questões de sobrevivência, não chega a ser um grande defeito nem comprometer o livro. Apenas relevem e aproveitem a leitura.

"Amar alguém fica melhor quanto mais você ama."


Tenho certeza de que o filme será muito bom, e que vai nos emocionar tanto quanto o livro. Estreia este ano, fiquem de olho. Estou muito ansiosa por ele, e recomendo a leitura, com certeza!






14 comentários :

  1. Oi Camila, ainda não li uma resenha negativa desse livro e isso me deixa bem curiosa e interessada nele. As lições que aprendemos em livros com temas de tragédias são realmente o ponto alto da história e essa parece vir repleta de ensinamentos, quero muito saber como o livro é concluído e espero que tenha um final feliz pra todos, inclusive o cachorro :)

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila,
    Primeira resenha que li desse livro e achei a estória bem promissora.
    Tbm gosto de livros que desenvolvem essa temática da sobrevivencia, mas o que me chamou atenção é que o autor leva a estória para o lado mais dramático.
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Caah!
    Parece uma leitura bem cativante, qro ler pra ontem mas ainda não tive oportunidades...
    O enredo é lindo, tenho ctz q vou ler rapidinho...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Camila, em filmes de tragédias eu já fico angustiada imagina em um livro. Haja coração!
    E livros com assuntos assim possuem grandes aprendizados, retiramos deles lições que levarem como uma bagagem pela vida.
    Gostei muito do livro, quero ler e ver o que acontece com o Ben, Ashley e o cachorro.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Camila!!
    Já estou de olho nesse livro deste que li a sinopse dele. Fiquei paixonada imediatamente por essa história!! E pelo que li na sua resenha a história é muito cativante!! Amei a resenha e espero ler esse livro o mais breve possível!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  6. Camila!
    Tenho lido ótimas resenhas do livro, pelo jeito já uma unanimidade.
    Fiquei muito curiosa por saber como é o relacionamento dos dois nesse período em que ficam isolados, bem como descobrir como conseguiram sair da situação, já que ninguém sabia que haviam fretado um avião e ainda tem todo mistério em relação a mulher do protagonista.
    Livro bem impactante.
    Semaninha De muita luz e paz!
    “Existe apenas um bem, o saber, e apenas um mal, a ignorância.” (Sócrates)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  7. Camila, também gostei muito de Depois Daquela Montanha!
    Foi aquele livro que eu achei que seria super Nicholas Sparks e foi tão mais do que isso.
    Também gosto de histórias de tragédias (mas também não sou sádica, haha) pelo que podemos aprender com elas.
    A história de Ben e Ashley me emocionou muito.
    Direto eu pensava "caramba, chega de sofrimento para eles, Charles Martin! Já deu, né?".
    E estou doida para ver o filme.

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  8. Quero muito ler esse livro, essa luta que os personagens travam pela sobrevivência é bem inspiradora, para as pessoas lutarem e não desistirem e dar mais valor a vida. Deve ser bem comovente essa historia, no lugar dos personagens acho que surtaria rs.

    ResponderExcluir
  9. Eu não conhecia o livro mas também gosto muito de histórias de tragédias. Já estou animada com a história e também com vontade de saber tudo o que vai acontecer com esse casal ao longo da jornada para sobreviver.

    ResponderExcluir
  10. Já estou de olho nesse livro deste que li a sinopse dele. Fiquei apaixonada imediatamente por essa história!! E pelo que li na sua resenha a história é muito cativante!! Amei a resenha e espero ler esse livro o mais breve possível!!

    ResponderExcluir
  11. A sinopse não me encantou muito, acho que porque sou uma adoradora de tragédias também (e talvez eu goste de ver um pouco do sofrimento alheio, talvez seja um pouquinho sádica, culpa de Stephen King), mas vai ter um filme com Idris Elba e Kate Winslet que vou ser obrigada a assistir e então vou ser obrigada a ler o livro pra dizer que é melhor. Mas amei a resenha.

    ResponderExcluir
  12. Já pela sinopse eu fiquei dando gritos interiores aqui haha
    Eu amo quando o autor escreve assim: ''Encontrou-a. Ombro deslocado. Perna quebrada.''. Com quebras sabe?! Me deixa com uma ansiedade porque as cenas de cada frase vem na cabeça. Eu já li alguns livros de tragédias mas não conhecia esse não. Se com a resenha fiquei assim imagina com o livro! E se for tão bom quanto você fala o filme vai ser mesmo perfeito!

    ResponderExcluir
  13. Achei linda essa capa, mas a sinopse não me chamou a atenção em nada, não pensava em ler, mas depois da sua resenha estou pensando em dar uma chance, achei que o livro era apenas sobre a luta dos personagens para sobreviver, mas pelo que entendi tem muito mais.

    ResponderExcluir
  14. Oi!
    Estou vendo só comentários positivos sobre essa historia, o que me deixou muito curiosa para poder ler, achei interessante esse livro, acho que ele parece ser aquele tipo de leitura que acaba nos deixando ansiosos e com o coração na mão, fiquei curiosa sobre a escrita do autor e quero muito ler !!

    ResponderExcluir

Obrigada por fazer três blogueiras felizes, seu comentário e sua opinião são muito importante pra nós! Todas as visitas e comentários serão retribuídos.

(Comentários contendo ofensas e palavras de baixo calão não serão aceitos).

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook