Maio - A Garota do Calendário #05

Autora: Audrey Carlan
Título original: Calendar Girl: May
Tradução: Andréia Barboza
Série: A Garota do Calendário
Editora: Verus
Páginas: 144
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa


Sinopse: O quinto volume do fenômeno editorial nos Estados Unidos, com mais de 3 milhões de cópias vendidas.
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em maio, Mia vai trabalhar como modelo no Havaí, onde conhecerá Tai, um dos homens mais impressionantes que ela já viu. Com ele, Mia vai descobrir que o prazer não tem limites — e que ela deve aproveitar absolutamente tudo o que a vida tem a oferecer.

Estou de volta para trazer mais resenhas da série A Garota do Calendário, de Audrey Carlan, publicada pela editora Verus no Brasil. A saga que está completa com 12 edições (uma para cada mês do ano) já está totalmente disponível no país - podendo comprar os livros individuais ou os box da coleção completa.

Atenção!! Essa resenha contém spoilers dos livros anteriores. 
Para quem ainda não conhece o início da história de Mia, não deixe de conferir Janeiro (Resenha), Fevereiro (Resenha), Março (Resenha) e Abril (Resenha).

Agora em Maio encontramos nossa protagonista Mia voltando para casa, em Las Vegas, e se reencontrando com sua irmãzinha Maddy e também com sua melhor amiga Ginelle. Como já devo ter dito antes, o relacionamento das três é bem divertido. Mas Mia trata sua irmã mais nova mais como filha do que como irmã, o que é fácil de se compreender já que ela cuida de Maddy desde que tinha 10 anos.
É por isso também que Mia surta completamente ao descobrir que sua irmã (que nem terminou a faculdade ainda) está noiva! O fato não é bem visto por Mia que tem medo que sua irmã abra mão dos próprios sonhos por conta do casamento com - o também muito jovem - Matt.
Então Maddy, extremamente fofa e responsável, tranquiliza a irmã de que só irá se casar depois que terminar a faculdade e que também terá a presença de Mia no dia do evento, obviamente.

Bem, pelo menos nada mudou sobre a viagem no Havaí. Matt pareceu arrasado quando ela contou a ele, o que me deixou secretamente animada. Sim, eu era uma verdadeira megera e não me desculparia por isso. De acordo com Maddy, ele entendeu a necessidade de um "momento feminino" e que a notícia que eles haviam dado tinha sido um pouco chocante. No fim da discussão, o cretino estava me parabenizando pela ideia e dando sua bênção para a viagem. Como se eu precisasse. Engraçadinho. Ele aprenderia bem rápido quem era o chefe. Eu só esperava que, no final, ainda fosse eu.
Mia, p. 31

E como Mia tem uma dívida para pagar ao agiota (e também seu ex-namorado) por causa do seu pai jogador, ela logo parte para o seu novo trabalho que dessa vez será no Havaí!! Durante o mês, Mia deverá posar como modelo para uma campanha de biquinis para mulheres reais, ou seja, apenas a partir do número 40.

"Eu amo tudo no meu corpo."

Será nessa ilha paradisíaca que Mia conhecerá Tai, um samoano local e muito atraente. Tai, assim como ela, estará presente nessa campanha durante o mês e a química entre os dois é instantânea. Junte isso ao fato de que Mia está nervosa com Wes (Sr. Janeiro) por ele estar em um relacionamento com a belíssima atriz Gina DeLuca e já se tem mais um caso explosivo na vida da garota.


Em termos de narrativa, Maio é com certeza o mais fraco dos volumes da série. Sendo um dos livros mais eróticos da saga toda. Obviamente, nem dá para esperar muita profundidade em um livro com pouco mais de 100 páginas. Mas os personagens que aparecem a cada mês se tornam importantes de alguma forma para Mia e terão um papel mais a frente ao longo da história. Tai não terá grande importância depois, só que é em maio que Mia finalmente consegue relaxar um pouco. Ela aproveita as férias, sua irmã e sua melhor amiga, além de - por um pequeno período de tempo - abrir mão do que não pode controlar.

Naquele momento, deixei tudo sair. Minha tristeza por ir embora da ilha e tirar Tai da minha vida. A ansiedade que me consumia pelo fato de Wes estar seguindo em frente com Gina. Se eles estavam em uma relação casual ou não, eu não sabia. O nervosismo pelo fato de minha irmã se casar. Percebi que todas essas coisas estavam fora do meu controle. Não havia muito que eu pudesse fazer além de seguir meu próprio conselho. As mesmas palavras que falei para Tai mais cedo surgiram em minha mente.
Deixa rolar.
Mia, p. 114 

Mas depois de férias tão prazerosas, Mia deverá trabalhar duro em Junho, quando parte para Washington, a capital do Estados Unidos. No próximo volume, ela será uma acompanhante de luxo para um grande político americano e nem tudo pode dar certo. Aguardem ansiosas pela continuação! ;) 


14 comentários :

  1. E uma pena que esse mês talvez seja o mais fraco da série, pelo fato de ter muitas cenas eróticas, e não da para se aprofundar em conteúdo que tem uma trama além desse envolvimento, já que o livro possui apenas 100 páginas. Todo esse fator me desanimou ainda mais a dar uma chance a essa leitura, que ainda nem comecei, pois tenho apenas os dois primeiros livros da série.

    ResponderExcluir
  2. Olá.
    Sua resenha está ótima. Mas, dessa vez deixo passar a dica. Não tenho interesse em ler essa série, pois em nada me desperta curiosidade.
    Mas para quem acompanha a série, cada livro é uma boa leitura.
    Obrigada. Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Eu li essa série até Outubro mais ou menos... Depois achei que ficou ruim, ou eu não tava no clima pra esse livro. Mas até lá eu adorei os anteriores!! Eu adoreii esse do Havaí, que ela acabou se sentindo parte de uma família; a conexão que ela cria com Tai é massa!!

    ResponderExcluir
  4. Oi Carolina,
    Então vamos a mais um mês e mais um cliente de Mia. Tem momentos que anseio pelas resenhas dessa série, mas outros nem tando, pois a mesma tem se mostrado ser muito inconstante em relação ao enredo. Este livro não parece trazer grandes temas a serem abordados, mas achei legal que teremos mais da relação familiar da protagonista. Outro fato que chama atenção são as características físicas de Mia, a autora mostra que para ser bonita e desejada não precisa magra, mas sim ter confiança em si mesma. Espero que os outros volumes sejam mais aprofundados e que o foco não fique só na parte erótica.

    ResponderExcluir
  5. Oi.
    Confesso que Apesar de querer muito dessa série ainda estou com um pé atrás a respeito dos personagens Eu ainda tenho certo estereótipos sobre a profissão da Mia, mas espero em breve poder desfrutar dessa leitura.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Oi Carol!
    Vejo muitos leitores decepcionados com essa série, mas mesmo você dizendo que "Maio é um dos mais fracos, me pareceu que você gostou. Tomara que a série mantenha o fôlego até chegar em Dezembro.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Carol, tudo bem?
    Li só o 1 livro, e nem vou ler os outros porque tenho certeza que não vou gostar :/
    Se o 1 já foi uma decepção, quero nem pensar em como vai ser os outros...
    Mas estou torcendo para você gostar dos próximos kkk

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li nenhum livro da série, mas tenho os quatro primeiros. Que pena que esse é mais fraco e também deve ser mais triste, pois pelo que percebi parece que a torcida é pelo Wes e ele esta com alguém, preciso ler para escolher alguém como pretendente dela rsrs.

    ResponderExcluir
  9. Carlina!
    Os livros da série tem altos e baixos, né?
    Uns bons, outros nem tanto e achei que justo esse que se passa no Hawaii, seria um dos melhores, uma pena que não.
    Espero que os outros melhorem.
    FELIZ DIA DAS MÃES!
    “Sê humilde para evitar o orgulho, mas voa alto para alcançar a sabedoria.” (Santo Agostinho)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Carol, nem preciso te dizer a pirraça que eu tenho por Maio, né?
    QUE LIVRO RUIM, MINHA GENTE!
    Tá, o Tai é fofo e tals, mas que livro chato, só sexo quase vulgar, sem conteúdo, sem nada.
    E a relação dela com a irmã me irrita (desculpa, eu sei que você gosta, hahahaha).
    Eu quase desisti em maio, mas como você disse que o negócio vai melhorando - e realmente melhorou, estou em setembro já - valeu a pena.
    :P

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Carol!
    Ganhei o primeiro livro mas ainda não li, tenho mta curiosidade de ler essa série, msm que alguns sejam pra alguns ruins, vou ler msm assim, quem sabe eu goste...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Eu li o primeiro, o segundo e o terceiro e gostei!
    Mas o primeiro ainda é melhor! hehehe!
    Vou continuar a série pq quero saber o que vai acontecer!
    Mas sempre vai ter altos e baixos né!

    ResponderExcluir
  13. Oi, voce não é a unica que acha que maio é o mais fraco da serie, jávi outras resenhas dizendo o mesmo. Tenho essa serie completa em e-book, mas quero comprar eles em fisico para ler. Adoro esse tipo de livros e acho que irei gostar desse, alem das capas dessa serie serem linda e vão ficar perfeitas na minha estante.

    ResponderExcluir
  14. Ainda não li nem um livro da série A Garota do Calendário, é uma pena que o do mês de maio tenha sido bem fraco na narrativa, eu tenho curiosidade em ler esta série, mas como ainda não tenho os livros, só me resta aguardar conseguir compra-los.

    ResponderExcluir

Obrigada por fazer quatro blogueiras felizes, seu comentário e sua opinião são muito importante pra nós! Todas as visitas e comentários serão retribuídos.

(Comentários contendo ofensas e palavras de baixo calão não serão aceitos).

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook