#II Mês do Halloween: Criaturas Estranhas

Autores: Neil Gaiman e vários
Título original: Unnatural Creatures 
Tradução: Antônio Xerxenesky e Bruno Mattos
Editora: Rocco
Páginas: 400
Onde encontrar: AmazonBR | Americanas | Cultura | Saraiva | Travessa

| Livro cedido em parceria com a Editora Rocco |

Sinopse: Um grifo. Um lobisomen. Um pássaro do sol… Essas são apenas algumas das criaturas fantásticas que habitam estas páginas. Desde o cacatucano, cuja risada reorganiza um reino inteiro, até a Fera sem forma que vaga a esmo pela floresta, aqui você encontra uma coleção de espécies raras e magníficas. Cada uma delas vai emocioná-lo, encantá-lo e, possivelmente assustá-lo.
Selecionadas pelo autor bestseller Neil Gaiman, as dezesseis histórias desta coletânea vão guiar o leitor por um inusitado zoológico repleto de criaturas estranhas e maravilhosas que não podem ser encontradas em lugar algum, a não ser em sua própria imaginação.

Minha seleção de leituras para esse especial de #Halloween foi a mais alterada durante todo o mês! Inicialmente, Criaturas Estranhas não estava na lista, mas assim que vi que era de Neil Gaiman e que trazia contos com criaturas assustadoras, não tive dúvidas! E, com certeza, foi uma das melhores leituras.

Neil Gaiman
Sou fã de Neil Gaiman (Stardust, Coraline, João e Maria, O Oceano no Fim do Caminho) há algum tempo já. Ele é conhecido por suas histórias fantásticas, assustadoras e um tanto quanto estranhas, mas que esbanjam seu poder criativo.
Devo confessar, porém, que Criaturas Estranhas não é nada assustador. O livro carrega contos com um tom sombrio e criaturas de fato estranhas, mas, de uma forma geral, o título é muito tranquilo. 
São 16 histórias, algumas escritas há mais de cem anos e outras inéditas, selecionadas por Neil Gaiman (sendo um conto dele próprio). Cada texto traz uma temática e um grau de assombro diferenciado, mas sempre com uma pitada de ironia e criaturas muito incomuns.

Abaixo eu comento um pouco mais sobre alguns dos contos presentes no livro que mais gostei - e que assustei também!


----------O--------iI-i---------, de Gahan Wilson


Como o próprio Gaiman diz no livro, Gahan Wilson desenha coisas assustadoras e, às vezes, também escreve contos. Nesse texto com título impronunciável (porque é uma pintura que não soube retratar), há uma mistura de letras e desenhos que causam de fato um resultado aterrorizante.  
A história tem início quando Reginald Archer encontra uma mancha na toalha de mesa. Mas essa mancha misteriosa desaparece e reaparece - sempre maior que antes - a cada piscar de olhos. Archer, seu mordomo Faulks e seu amigo sir Harry vão persegui-la e tentar exterminá-la. Tudo isso sem piscar os olhos! É um tanto quanto assustador mesmo. #Ficaadica 



Ozioma, a Maligna, de Nnedi Okorafor


A garota de 12 anos Ozioma, que dá o nome ao conto, vive em uma pequena aldeia na Nigéria e ainda sofre com a morte do pai. Além disso, toda praticamente todo o povoado a discrimina, a ignora e acredita que ela é uma bruxa má. Isso porque Ozioma consegue falar com as cobras. 
Só que um dia desce do céu uma cobra gigantesca e Ozioma é a primeira pessoa a quem todos pedem socorro. E a pequena garota terá apenas sua coragem para enfrentar esse imenso desafio.
Escrito por uma nigeriana, a história de Ozioma nos apresenta nomes difíceis de pronunciar e uma cultura diferente, com crenças desconhecidas a nós. Mas ao mesmo tempo também é uma história universal sobre aceitação. Sobre ser diferente. Sobre bondade. Não tem como não gostar.



Pássaro do Sol, de Neil Gaiman


O conto de Neil Gaiman foi criada como um presente de aniversário para sua filha Holly. Assim como muitas de suas histórias, essa carrega personagens um tanto quanto estranhos e um enredo sombrio escondido sob uma grande camada de leveza textual. 
O foco é nos membros da Sociedade Epicuriana. Um grupo que reclama de já ter experimentado todo tipo de animal existente - e extinto - do planeta. É quando Zebediah T. Crawcrustle sugere a caça ao Pássaro do Sol, que, com certeza, será a melhor refeição que vão fazer na vida. 
É uma história deveras interessante. Principalmente o fim. 


O Mal também se Levanta, de Maria Dahvana Headley


Há uma Fera na minifloresta da cidade Bastardópolis. E todos sabem disso. Angela, uma jovem que nasceu e cresceu nesse estranho lugar nos narra sobre os diferentes costumes dos habitantes locais. Ela não gosta da cidade e sente falta do pai, que é um caçador e vive na floresta. Mas quando um colecionador de feras chega a cidade, Angela se vê obrigada a entrar profundamente na floresta.
Tudo o que posso dizer sem soltar nenhum spoiler é que essa é uma história deveras diferente e com uma reviravolta muito interessante. Recomendo.


O Lobisomen Cabal, de Anthony Boucher


O protagonista, professor Lobato Lobo, está sem sorte no amor. Após a carta de rejeição de sua amada Gloria Garton, ele resolve afogar as mágoas em um bar. Mas as coisas começam a mudar quando Lobato conhece um mago de verdade, Ozymandias, e é informado que é um lobisomen!
O professor decide então aprender a ser um bom lobisomen para enfim poder reconquistar sua amada Gloria! Mas as coisas não saem como o esperado e Lobato terá que lidar com sua nova descoberta da magia, um culto estranho, um detetive investigativo, espiões e uma secretária muito astuta.
Anthony Boucher é um autor cultuado mundialmente por fãs de ficção, fantasia e mistério. Seu conto, O Lobisomen Cabal, está sendo publicado pela primeira vez no Brasil nesse livro. Considerado um clássico, o texto é o mais longo da edição (cerca de 80 páginas) e satiriza os clichês do gênero, como lobisomens e magia. É, sem sombras de dúvidas, a minha história favorita neste volume. Muito recomendada!!! 



Venha, Dona Morte, de Peter S. Beagle


Neil Gaiman escreveu que quis terminar o livro com a menos estranha de todas as criaturas estranhas: a morte.
Nesse conto de um dos principais autores da literatura fantástica americana, nos é apresentada Lady Neville. Uma das senhoras mais importantes da sociedade inglesa da época. Ela sempre deu e continua dando as melhores festas, a nobreza em peso está sempre presente aos seus eventos. Assim como também as melhores atrações e entretenimentos. Mas agora Lady Neville está cansada e desanimada. Nada mais a empolga. Isso até ela ter a brilhante ideia de convidar a própria Morte para seu baile. Mas, como tudo na vida, a noite terá um preço.
Se for analisar os 16 textos, esse é o mais profundo. Com questões imortais sobre a vida e a morte. Gostei muito. E recomendo a todos!


Fora esses contos, há muitos outros de excelente qualidade em Criaturas Estranhas. Apenas não fiz um resumo de cada um, pois a resenha ficaria extensa demais. Mas todos apresentam criaturas interessantes que valem a pena conhecer.





9 comentários :

  1. Carol, preciso confessar uma coisa:
    Eu nunca li Neil Gaiman!
    SHAME ON ME TOTAAAAAAAAL!
    Sempre quero, mas não leio. Nem tenho livro dele na estante me esperando.
    Qual meu problema, afinal?
    Achei super legal esse livro de contos e fiquei feliz que você não ficou assustada como em outras das leituras, hahaha.
    Acho que uma das mais interessantes que você citou foi mesmo a última, Venha, Dona Morte.
    E que capa linda, né?
    Os livros dele geralmente têm mesmo.

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Carolina!
    Gostei de conhecer esse livro Criaturas Estranhas achei um livro muito interessante cheio de contos mais curioso que o outro. Ainda não li nada desse autor mais já li resenhas muito bacanas sobre seu livros e espero ler em algum momento esse livro.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  3. Adoro o Neil Gaiman, mas não tenho nenhum livro dele, quase todos eu peguei na biblioteca, acho que esse vai ser o primeiro livro do autor que vou comprar, sua resenha só me deixou mais ansiosa. Fiquei morrendo de vontade de ler o sobre a morte.

    ResponderExcluir
  4. Oi Carol!!
    No geral terror não é muito a minha praia literária pq sou medrosa e sempre fico super impressionada com as histórias kkk
    Do Niel li apenas o Oceano no Fim do Caminho e confesso que espera mais de tanto que ouvi elogios sobre o autor... claro que pretendo ler outras coisas dele...
    Dentre os contos que você destacou fiquei curiosa para ler "Venha, Dona morte!"

    beijos
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá Carol! Adorei conhecer a obra, pois é um dos gêneros q mais curto ler..Vou qrer conhecer mais d perto com toda ctz!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li nenhum livro do autor, embora ele seja muito elogiado, preciso ler rs. Apesar de não ser assustador acho que os contos são bem interessantes, fiquei curiosa com o do Gahan Wilson e a mancha misteriosa. O do Lobisomem também despertou meu interesse, alias todos citados parecem ser muito bons.

    ResponderExcluir
  7. Conheço o autor, mas nunca li nada dele. Mas confesso que não me atraiu muito esse livro, vou pesquisar outros do autor.

    ResponderExcluir
  8. Não apenas desenhos assustadores, confesso que as histórias parecem ser também rs.
    Não tive a oportunidade de ler nada do autor, mas já recebi indicações. Inclusive para ler O oceano no fim do caminho.

    http://www.revelandosentimentos.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Acredita que nunca li nada do autor? Mas sempre escuto falar muito bem das suas histórias e tenho muita vontade de ler. Esse parece ótimo, achei muito interessantes os contos que vc citou, principalmente a Ozioma, me deixou muito curiosa. Está anotado para as próximas compras!!

    ResponderExcluir

Obrigada por fazer quatro blogueiras felizes, seu comentário e sua opinião são muito importante pra nós! Todas as visitas e comentários serão retribuídos.

(Comentários contendo ofensas e palavras de baixo calão não serão aceitos).

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook