Playboy Irresistível - Cretino #03



Autora: Christina Lauren 
Título original: Beautiful Player
Tradução: Felipe Vieira
Série: Cretino Irresistível
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 306
Classificação: +16 
Onde encontrar: AmazonBR | Saraiva | Submarino 


Sinopse: Quando Hanna Bergstrom escutou de seu irmão que ela precisava ter uma vida social e se libertar um pouco da faculdade, ela jurou que cumpriria essa tarefa: sair mais, fazer amigos, começar a namorar. E quem melhor para transformá-la na garota dos sonhos de todo homem do que o lindo melhor amigo de seu irmão, o investidor e playboy assumido Will Sumner? Will ganha a vida assumindo riscos, mas a princípio ele não bota fé na transformação daquela garota desajeitada... até que numa noite selvagem, sua inocente pupila o seduz e acaba ensinando uma lição sobre o que é ficar com uma garota ardente e... inesquecível. Agora que Hanna descobriu o poder de seu próprio sex appeal, resta a Will provar que ele é o único homem que ela precisa.
Finalmente chegamos ao que eu considero o meu livro favorito da série até agora! Playboy Irresistível foi o primeiro livro que li (depois fui pra Estranho, depois  Cretino - tudo fora da ordem, eu sei!)  Will Sumner marca presença nos "quatro" primeiro livros da série, mas é aqui que vemos nosso menino em toda sua glória. Como vocês podem ver pelo lindo (e novo) infográfico que trago para vocês (obrigada, Carol!), está é a ordem que todas nós deveríamos seguir. Então, se acomodam e vamos para mais uma resenha!




Hanna Bergstrom é uma jovem mulher viciada em trabalho. Ela está no último ano da faculdade e é extremamente dedicada ao que escolheu fazer. Isso, porém, parece estar afetando outros aspectos de sua vida. Seu irmão mais velho, Jensen, está decidido de que ela precisa viver mais; tentar conciliar melhor sua vida pessoal com a profissional em um nível mais saudável. Por isso, pede que Hanna ligue para seu melhor amigo, Will, e aprenda algumas dicas com ele. 
"Meu irmão me passou uma tarefa - vá viver sua vida mais intensamente - sabendo que se existia um jeito de assegurar minha dedicação em alguma coisa, era me fazer pensar que eu estava falhando." Hanna, pos. 203
O que dizer de Will? ("-Era um filho da mãe? Seu uso do verbo no passado é adorável." Max, pos. 418Ele tem 31 anos e não tem medo de satisfazer todos os seus desejos. Não tem compromisso sério com ninguém, gosta de passar seu tempo com os amigos (Bennett e Max e Chole e Sara).
Depois de atender uma ligação de Ziggy, a irmãzinha de seu melhor amigo, Will e Hanna se encontram pela primeira vez depois de alguns anos. A conversa descompromissada e super engraçada vem fácil, e é impossível negar que algo mais aconteceu com os dois depois de dividirem as pistas do Central Park.
"- Teria coisas demais se movendo de um lado para o outro. Principalmente no meu caso.
- Por quê? Você tem mais de um saco?" Will e Hanna, pos. 291

Depois de combinarem de se encontrarem todos os dias de manhã, Hanna abre o jogo e decide pedir que Will a ensine a ser mais leve. No entanto, ela precisa de uma ajudinha com roupas. E Will a manda para as sábias mãos de Chloe e Sara. "-Elas são as garotas que laçaram meus melhores amigos pelas bolas. Acho que seria bom você conhecê-las. Juro que vão se tornar melhores amigas ao final da noite." Will e Hanna, pos. 409

Enquanto Cretino foi muito mais pesado e Estranho, muito mais romântico, Playboy é divertido, leve e descompromissado. Narra a história de uma mulher descobrindo o que fazer com sua sexualidade ao lado de alguém por quem sempre teve uma paixão platônica... até então. Will percebe a mudança: Ziggy era a irmã caçula de seu melhor amigo, Hanna é essa mulher que fala sobre sexo e filmes eróticos enquanto toma cerveja. Os dois são ótimos juntos e nos oferecem momentos de conversa sinceras e hilárias.
"Por que diabos você faria uma coisa dessas? É como se Deus desse um presente, e você agradecesse chutando as bolas dele.
- Deus? Pensei que você era agnóstico, um homem da ciência.
- Eu sou. Mas se eu pudesse enfiar a cara em seios perfeitos como os seus, acho que acabaria no céu e teria que me converter.
- Você acha que vai encontrar Deus nos meus seios?
- Não mais. Agora seus peitos são pequenos demais para ele se sentir confortável aí dentro." Will e Hanna, pos. 833
Will certamente começa aperceber que Hanna pode ser A garota que o fará mudar. Hanna, no entanto, sabe com quem está lidando (ou pelo menos, tem a versão antiga coma qual se situar). "Meu coração e minhas partes íntimas não sobreviveriam uma noite sequer com este homem. Ainda bem que isso não é uma opção, vagina. Sossega aí." Hanna, pos. 359 O que acontece aqui é que Hanna quer se descobrir e testar coisas novas. E talvez não seja apenas com Will que isso aconteça. Afinal, Will tem uma agenda semanal com quem vai se encontrar.

Ao longo do relacionamento dos dois, ele vai mudando, desejando algo a mais que Hanna não está pronta para dar, afinal é a vez dela de descobrir o mundo dos encontros."- Max, ela é uma mulher completa. Engraçada, doce, honesta, linda... Eu me sinto fora da minha zona de conforto com ela." Will, pos. 1979 Apesar disso, dos dois possivelmente quererem coisas diferentes um do outro, é a amizade entre ele que permanece.
"Fazia muito tempo desde a última vez que me divertia tanto com uma mulher sem que ela tirasse a roupa.
Infelizmente para mim, quanto mais tempo passava com Ziggy, mais eu queria transformar nossa diversão em algo que envolvia nudez." Will, pos. 881
E vocês sabem o que dizem, né? Às vezes, os melhores relacionamentos começam com uma amizade. "- Está deixando alguém entrar no seu mundinho privado das corridas matinais? Isso parece mais íntimo que sexo, Willian." Max, pos. 434 Os dois são maravilhosos e vão descobrir juntos como lidarem com essas novas versões de si mesmos. É um livro incrível, super divertido e super recomendado.

Apesar daquela parte chatinha do conflito final (um mal entendido que poderia ter sido facilmente resolvido com uma conversa honesta e madura - mas nãaao, nada pode ser fácil nos capítulos finais de um livro), Hanna e Will formam um dos casais que eu mais gosto.







Seção das Quotes

"- Você quer ir até o parque comigo para correr?
- Você corre? Tipo, de propósito?
- Sim - ele disse, praticamente rindo." Will e Hanna, pos. 179

"Os perigos de Will Sumner, eu me lembrei. Basta uma frase e você já está pensando nele pelado." Hanna, pos. 326

"- Uau. Ele é... gostosão. Conheci Bennett também. Vocês parecem o clube dos gostosões de Manhattan.
- Não existe uma coisa dessas." Hanna e Will, pos. 641

"- Evita que eu fique por aí querendo transar o tempo todo.
Ela mal piscou.
- Mas por que você prefere correr em vez de transar?" Will e Hanna, pos. 657

"- Qualquer coisa mais forte vai me fazer dormir em quinze minutos.
- Tenho certeza de que existe algo forte atrás do balcão que pode deixar você acordada por horas." hanna e Jack, pos. 911

"- Mas, tipo, como respirar e não ficar preocupada em morder, entende? Você já entrou numa loja que vende porcelana chique e de repente sente um pânico momentâneo que vai tropeçar e quebrar tudo?" Hanna, pos. 1056

"Nunca tive muitas amigas mulheres - e definitivamente nunca tive uma amiga como Chloe Mills -, mas até mesmo eu era esperta o bastante para ter um pouco de medo dela. E tinha a forte impressão de que até o Bennett tinha um pouco de medo dela."

"- O que você está pensando? O que estamos fazendo neste quarto tão escuro, trocando olhares maliciosos?" Will, pos. 1442

"Ela era uma criatura sexual, sensível e curiosa, e eu não sabia se alguma vez já fiquei mais excitado do que agora." Will, pos. 1570

"- É assim que as coisas acontecem? Correr esse tipo de risco, abrir seu coração e esperar que a outra pessoa tenha bastante cuidado para não destroçar os seus sentimentos?" Will, pos. 2079

12 comentários :

  1. Oi, Iza!
    Will é o meu crush mor da vida! Simplesmente amo esse homem e vira-e-mexe estou relendo esse livro porque ele é o meu favorito do duo.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Esse também é o meu favorito, nerds pra mim são os melhores ♡♡♡!
    A Hanna era tão inocente às vezes, que ficava engraçado.É tão bom relembrar!

    ResponderExcluir
  3. Oi Iza, se essa é história que é mais divertida então também seria a minha favorita, gosto de histórias com uma pegada mais leve e descompromissada e curti a resenha. Os conflitos finais sempre poderiam ser resolvidos com conversa né kkkkk, as vezes tenho vontade de entrar e bater nesses protagonistas haha, mas essa é a graça da história :) Amei a resenha ;)

    ResponderExcluir
  4. Izabela!
    Vou começar dizendo que adorei as citações escolhidas, porque dá uma noção melhor do que poderemos encontrar no livro.
    Menina! Fiquei com a maior vontade de conhecer o Will, parece que é o crush da temporada...kkkk
    E bom ver que esse é o melhor de todos os livros.
    Desejo uma semana de luz e paz!
    “Não há saber mais ou saber menos: Há saberes diferentes.” (Paulo Freire)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  5. Não li nenhum livro da série, mas tenho curiosidade de conhecer, fiquei imaginando como seria as cenas entre os dois personagens e as descobertas de Hanna.

    ResponderExcluir
  6. Olá Izabela!!!
    Qro mto ler essa série e conhecer a escrita d autor que li mto bem sobre ela, cada vez mais me interesso por ler ...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. "um mal entendido que poderia ter sido facilmente resolvido com uma conversa honesta e madura - mas nãaao, nada pode ser fácil nos capítulos finais de um livro" kkkkkkk seeeeempre tem isso!!! Eu li o primeiro, cretino irresistível e não gostei muito pois parecia um livro só hot. E eu gosto que tenha uma história por trás, pra se envolver mais. Este livro parece exatamente como eu gosto!! Hot, mas om toda uma história antes que nos faz se envolver com os personagens!!

    ResponderExcluir
  8. Acho que o final da sua resenha resume bem pq não leio mto livros desse gênero: "um mal entendido que poderia ter sido facilmente resolvido com uma conversa honesta e madura - mas nãaao, nada pode ser fácil nos capítulos finais de um livro"
    A gente começa a ler e na primeira página já sabemos o final, e dps de ler tantos livros assim acaba saturando um pouco. Mas qm sabe dps de um longo tempo eu volte a ler livros assim e essa seria uma ótima indicação já que parece ter uma boa dose de humor :)

    ResponderExcluir
  9. Estou fugindo de romances divertidinhos assim, tô mais inclinada pro suspense esse mês mas parece ser uma ótima leitura. Confesso que a quantidade de livros assusta e eu não gostei muito das capas também!:(

    ResponderExcluir
  10. Esse me parece ser só mais um livro que a menina gosta do cafajeste kkk depois de ler tantos livros assim, não vejo mais tanta graça

    ResponderExcluir
  11. Ainda não comecei a ler essa série, mas já tenho o primeiro.
    Aliás, acho que é o primeiro, não lembro.
    Adorei saber que esse é leve, divertido e descompromissado.
    :D
    Sinto que vou me apaixonar pelo Will.
    Quem não gosta de um badboyzinho?
    Hahahaha

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  12. Olá !!
    De tanto eu ouvi falar da série eu comeceia ler ..

    * tentei* Não conseguir gostar de Cretino ! Terminei a leitura quase por obrigação mas não gostei ... muito pesado ..

    Mas quem sabe um de uma chance a esse livro!!

    Bjo

    ResponderExcluir

Obrigada por fazer três blogueiras felizes, seu comentário e sua opinião são muito importante pra nós! Todas as visitas e comentários serão retribuídos.

(Comentários contendo ofensas e palavras de baixo calão não serão aceitos).

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook